Em novo ataque, Alexandre Correa acusa Edu Guedes de adoecer Alezinho

Alexandre Correa
Alexandre Correa e Edu Guedes tem nova briga declarada na Justiça (Imagem: Reprodução – Band – Instagram / Montagem – RD1)

Alexandre Correa protocolou na última quinta-feira (22) uma acusação contra Edu Guedes. O apresentador é apontado no processo como “amante” de Ana Hickmann e responsável por provocar doenças psicológicas em Alezinho, filho do ex-casal.

No documento, a defesa coloca Alexandre Correa e o filho como vítimas de alienação parental e crimes de coação por parte de Ana e Edu.

“O parecer ministerial prefere fazer vista grossa”, criticou. As informações são do jornalista Gabriel Perline, do iG.

Alexandre Correa alfineta o Ministério Público

O empresário, que virou alvo de uma vaquinha na internet, se refere ao fato do Ministério Público ter indeferido pedidos, como a realização de perícia técnica para comprovar alienação parental.

Correa alega que Alezinho está doente e culpa Ana e por Edu Guedes“A criança está doente e sendo coagida pela Mãe e o amante e o douto MP em completa omissão e dando total apoio aos danos causados, lamentável que uma pessoa famosa tenha esse poder absoluto no Brasil e com apoio da Justiça”, aponta.

O representante do ex-marido de Ana Hickmann diz que ele está em condições de vulnerabilidade financeira por conta da apresentadora, que supostamente teria dado “o golpe Maria da Penha” para afastá-lo de seus bens e trabalho.

Na ação, Alexandre coloca Ana Hickmann como culpada por prejudicá-lo no tratamento contra o câncer. O empresário tem o diagnóstico de carcinoma no pescoço desde 2020. A cura foi anunciada em 2021, mas o processo medicamentoso continua.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].