Em TBT, Fábio Porchat relembra brincadeira feita no Domingão do Faustão

Fabio Porchat
Fábio Porchat relembrou participação no Domingão do Faustão (Imagem: Reprodução / Instagram)

Fábio Porchat aproveitou a última quinta-feira (5) para relembrar um fato curioso nas redes sociais. O apresentador publicou um mico engraçado que passou no Domingão do Faustão.

Porchat participou do quadro Maratoma, competição exibida pelo dominical da Globo em que os participantes caíam na água e na lama enquanto se equilibravam para atravessar os obstáculos.

No vídeo, Fábio Porchat apareceu se sujando na lama durante uma tentativa de pular sobre bolas gigantes. O ator ainda levou até uns socos durante a trajetória do quadro.

Na legenda, o comandante do Que História é Essa, Porchat? escreveu: “TBT dessa fera, bicho! Daquelas listas de ciladas que a gente tem que fazer antes de morrer eu já risquei o ‘Maratoma’ e sobrevivi!“.

Nos comentários, os seguidores entraram na brincadeira. “Você caiu igual a uma colcha”, observou um. “Você deveria ter ganho! Pelo menos um vale refeição“, divertiu-se mais um. “E nesse momento que a gente pensa: não vale a pena! Vou vender miçangas na praia“, escreveu outro admirador de Porchat.

Falando no ator, Fábio revelou uma história curiosa envolvendo Gugu Liberato (1959-2019) durante sua passagem pela Record. No Papo de Segunda, do GNT, o apresentador contou um bastidore de quando descobriu que o colega estava chateado com ele.

A história surgiu quando Porchat pediu para a Record uma entrevista com Gugu. “Queria fazer entrevista com o Gugu, disseram: ‘Gugu está chateado com você’. E eu? ‘Comigo? O que fiz eu a Gugu?’. Acabou a minha vida“, recordou.

Segundo o humorista, o mal-estar teria sido ocasionado por uma piada feita em seu antigo talk show. Quando descobriu toda a verdade, Fábio preparou um plano para um encontro fora da agenda com Liberato.

Era dificílimo ter acesso ao Gugu“, frisou. “Eu fui, armei um esquema, mancomunado com pessoas da Record. Aguardei num canto e quando ele vinha passando, eu disse: ‘Gugu! Como você está? Tudo bem?’. Aí ele foi uma simpatia. Brincadeiras, alegria… Ele disse: ‘Pô, você é um cara legal’“.

Segundo ele, a conversa acabou com qualquer problema. “Aí desfiz o nó. Quando desfiz o nó, ele foi ao meu programa. Mas tal e qual Lampião e Maria Bonita eu tive que atocaiar Gugu“, brincou Porchat.

Quando eu sei que alguém não gosta de mim, e diz assim, por exemplo: ‘Menino, Emicida está bravo com você’“. “Acabou a minha vida“, explicou. “Eu preciso dar um jeito de resolver o problema. Eu fico com ele engasgado“, admitiu.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Daquelas listas de ciladas que a gente tem que fazer antes de morrer eu já risquei o Maratoma e sobrevivi!

Uma publicação compartilhada por Fabio Porchat (@fabioporchat) em

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›