Equipe da Record é agredida durante reportagem no interior de SP

Record
Funcionário da Record é alvo de ataque no interior de SP (Imagem: Divulgação / Record)

Uma equipe da TV Thathi, afiliada da Record em Campinas, no interior de São Paulo, foi agredida durante a cobertura do caso de uma menina encontrada morta em Hortolândia. Quem mais sofreu com o atentado foi o cinegrafista da emissora.

A afiliada do canal paulista informou que o profissional foi ameaçado e atingido por pedras enquanto fazia imagens das investigações da polícia. Além disso, os carros da TV Thathi e da Record foram destruídos.

O veículo da emissora mãe teve o vidro traseiro quebrado, enquanto a viatura da afiliada teve o para-brisa arrebentado. O cinegrafista ficou com a camisa totalmente ensanguentada após os ataques.

Os dois canais pediram para que os nomes dos funcionários agredidos durante a cobertura da tragédia em Hortolândia não fossem revelados, mas garantiram que eles passam bem. As informações são do UOL.

Ainda de acordo com a reportagem, os agentes da polícia confirmaram que o principal suspeito pelo apedrejamento contra a equipe da emissora do bispo Edir Macedo seria um vizinho da família, indignado com toda a situação.

Segundo apurado pela EPTV, afiliada da Globo na região, o corpo da criança foi encontrado ontem (18), após um dia de buscas. A delegada seccional de Americana, Martha Rocha, informou que o padrasto confessou o crime.

Confira:

Record
Cinegrafista de afiliada da Record é agredido (Imagem: Divulgação / TV Thathi)

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›