Eri Johnson se emociona ao falar de Daniella Perez e diz que atriz estaria em Pantanal

Eri Johnson
Eri Johnson desabafa sobre Daniella Perez (Imagem: Reprodução – HBO Max / Montagem – RD1)

A HBO Max reuniu vários famosos que passaram pela vida de Daniella Perez, como amigo e colega de trabalho, para a série de cinco episódios sobre a morte da atriz. Eri Johnson foi um deles e, emocionado com as lembranças da amiga, deu um depoimento de coração aberto.

publicidade

O crime marcou o país há cerca de 30 anos, e de lá para cá Eri Johnson por vezes remoeu todos os acontecimentos dos bastidores da novela De Corpo e Alma. O apresentador e Daniella se conheceram na novela Barriga de Aluguel.

“Não entra na minha cabeça que isso tenha acontecido”, desabafou em entrevista ao jornalista Fernando Oliveira, do UOL. “Não existe isso de misturar realidade e ficção. A gente pode estar numa cena de briga ou de beijo, ao ouvir ‘corta’ do diretor a reação é saber se valeu e segue a vida”, completou.

publicidade

Veja Também

Para o artista, “Daniella seria uma grande estrela” das novelas atuais, “provavelmente estaria em Pantanal com uma personagem forte, como Maria Marruá ou Maria Bruaca”.

Por muito pouco, Eri Johnson não virou suspeito do assassinato. Na época, a polícia levantou inúmeras possibilidades. Na noite do crime, o famoso dormiu cedo, acordou no dia seguinte com a notícia e “havia o rumor de que teria sido alguém do elenco da novela”.

“Eu interpretava um gótico apaixonado pela personagem dela, que vivia em cemitérios. Tive medo na época”, relembrou. “Mas era tão absurdo que se cogitasse que alguém da novela tivesse matado ela”, explanou.

Guilherme de Pádua, um dos nomes centrais da novela, foi quem cometeu o crime. “A gente considerava uma hipótese estapafúrdia. Não era. Depois, descobrimos que o assassino teve a cara de pau de ir consolar o Raul Gazolla (marido de Daniella) na delegacia, dizendo que podiam contar com ele”, relatou.

publicidade

“Lembro de ouvir uma sala do cemitério no dia do velório sendo quebrada por ele ao descobrir quem era o assassino, de tanta raiva”, lembrou.

Eri Johnson fala sobre assassino de Daniella Perez

Atualmente na RedeTV!, Eri disse que não viu assédio de Guilherme em Daniella por um motivo específico. “Eu não falava com ele, desde antes da novela. No ensaio de uma peça de teatro, achei que ele foi grosso com uma atriz numa discussão por marca de cena e tomei partido dela”, explicou.

“Desde então, não nos falamos mais. O que posso dizer é que a Dani nunca iria para um lugar ermo com ele. Ela tinha medo quando íamos gravar cenas no cemitério. Em alguns dias esperava eu acabar de gravar tudo o que precisava para seguir o carro dela até em casa”, ressaltou.

publicidade

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Da RedaçãoDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.