Erro de português no Jornal da Globo vira chacota na web

Jornal da Globo
Jornal da Globo comete gafe ao vivo com erro de português (Imagem: Reprodução / Globo)

O Jornal da Globo causou espanto nos telespectadores com um erro de português na edição da última terça-feira (15). Quem acompanhou os números atualizados da Covid-19 deixou de lado as informações de Renata Lo Prete e ficou de olho no erro crasso na legenda do telão: “Taxa de ‘transmição’/Covid-19”.

A palavra “transmissão”, escrita de forma equivocada, chamou a atenção do público em casa. A notícia do momento falava sobre algo extremamente importante: um estudo da Imperial College, de Londres, mostrava que o Brasil começou a dar indícios do controle de transmissão do novo vírus.

“O Brasil atingiu hoje a menor taxa de transmissão desde que esses cálculos começaram a ser feitos em abril. Naquela época, a taxa era de 1,57 e chegou a 2,81 depois”, explicou a âncora. “Isso significa que àquela altura, no pior momento, cada 100 contaminados, transmitiam o vírus para 281 pessoas. Agora a taxa está em 0,90. Com 100 infectados transmitindo para outros 90. Ou seja, em média, menos de um novo infectado por pessoa”, concluiu.

A assessoria de imprensa da Globo soube do erro e avisou que reparou a gafe na edição disponibilizada no streaming da emissora. “Houve um erro de grafia no título do gráfico, que já foi corrigido na versão da matéria disponível no Globoplay”, avisou.

Na versão para a plataforma da emissora, enquanto Lo Prete falava, um telão com a legenda correta e com os principais dados sobre a taxa de transmissão apareceram na tela. Antes, a jornalista falava enquanto o telão exibia o erro de grafia.

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.