Estresse com Marlene Mattos e homem quase nu: relembre o Planeta Xuxa do Penta

Xuxa
Xuxa segura réplica da taça no Planeta Xuxa do Penta (Foto: Reprodução / Globo)

Na tarde deste domingo de Páscoa (12), a Globo, em uma iniciativa inédita, vai reapresentar a final da Copa do Mundo 2002, disputada entre Brasil e Alemanha. A emissora promete exibir, na íntegra, a narração original de Galvão Bueno. Entre as atrações escolhidas para embalar a comemoração do título naquele 30 de junho de 2002, está o Planeta Xuxa do Penta.

A título de contextualização, o programa é o último de um total de quatro Planetas exibidos ao vivo. Vale lembrar que Xuxa encerraria a atração quatro semanas depois, em 28 de julho de 2002. Então, que tal relembrar o que de mais marcante aconteceu naquela edição especial?

O estresse com Marlene Mattos

O Planeta Xuxa do Penta foi ao ar em 30 de junho de 2002, exatamente dois dias depois que o rompimento profissional entre Xuxa Meneghel e Marlene Mattos havia sido anunciado.

Acredita-se, inclusive, que foi a última vez em que as duas trabalharam juntas, uma vez que as três edições subsequentes já estavam gravadas. Como um adendo, vale lembrar que a empresária não teve nenhum envolvimento no programa de despedida. A saideira foi comandada pela equipe da falecida diretora Ângela Sander, que, na época, respondia pelo Vídeo Show.

Por causa disso, Xuxa não fez questão nenhuma de disfarçar o desconforto ao ser polida por Marlene. Depois de um merchan, a apresentadora dançava o hit Elas Estão Descontroladas, quando a diretora pediu que ela voltasse a seguir o roteiro.

A apresentadora esbravejou: “Já vi que eu não posso dançar, né? Não posso fazer mais nada quando é programa ao vivo. Não quero mais fazer”. Luciano Huck, que entrou, em seguida, tentou contornar a situação, mas a apresentadora continuou reclamando.

Assista ao momento:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

As promessas inusitadas pelo título: um  homem nu no palco

Planeta do Penta
Torcedor desfilou nu no Planeta do Penta (Imagem: Reprodução / Globo)

Falando em Luciano Huck, o marido de Angélica ainda era novato na emissora. Para não ficar de fora das comemorações,  acertou sua participação no Planeta Xuxa do Penta. Coube a ele a missão de levar ao palco anônimos que fizeram promessas inusitadas pelo título.

No primeiro caso, um torcedor garantiu que desfilaria nu. Para não mostrar nada explícito, a produção usou cartolinas pretas para simular tarjas, além de um tapa-sexo. Mas, mesmo assim, foi possível ver parte do bumbum de relance.

Momentos mais tarde, um médico teve que aderir ao corte de cabelo “estilo Cascão”, que Ronaldo Fenômeno ostentava na época. Os apresentadores operaram, cada um, uma máquina de cortar o cabelo.

Além do estúdio: Sandy e Júnior e a parada Gay

Além das atrações no estúdio, a edição especial teve ainda duas entradas ao vivo. O primeiro link contou com a participação de Sandy e Júnior. A dupla havia acabado de retornar da Europa, em uma viagem com o objetivo de promover a carreira internacional.

Mesmo com vários compromissos, os irmãos admitiram que interromperam os trabalhos para assistir as partidas. Xuxa deixou claro que, além dos jogadores, eles também eram um “orgulho para o nosso país”.

Momentos mais tarde, a apresentadora acionou David Brazil, que cobria a Parada Gay, que estava acontecendo naquele instante no Rio de Janeiro. Uma das participantes, inclusive, estava com visual inspirado no craque da seleção.

A salada musical

Musicalmente falando, o Planeta Xuxa do Penta recebeu representantes de diversos estilos. Alcione cantou sua versão de Depois do Prazer, clássico do grupo Só Pra Contrariar. Jorge Aragão e Grupo Revelação também reverenciaram o samba.

Falamansa, com Xote da Alegria, e Jota Quest, com Na Moral e Pra Frente Brasil, também marcaram presença. Rogério Flausino, vocalista da banda mineira, se apresentou com um dos pés imobilizados. A atração teve ainda o Cidade Negra, de Tony Garrido.

Poucos meses após o fim da primeira Casa dos Artistas, Supla já estava de volta à tela da Globo. O especial também contou com a participação dos finalistas do Fama, entre eles Vanessa Jackson (que se sagrou vencedora) e Adelmo Casé. Juntos, eles cantaram Coração Verde e Amarelo, o tema da seleção na Globo (Na torcida são milhões de treinadores / Cada um já escalou a seleção / O verde e o amarelo são as cores / Que a gente pinta no coração).

No bloco final, Xuxa recebeu o LS Jack. A banda ganhou projeção nacional no programa e, àquela altura, estava no topo das paradas com o hit Carla. Para encerrar, Ivete Sangalo, que também participou ao vivo do Faustão, horas depois, cantou Festa.

Com quase todos os convidados, a loira ressaltou o quanto a seleção começou o Mundial desacreditada e deu a volta por cima. No decorrer do programa, ela fez vários elogios ao técnico Felipão e a Ronaldo Fenômeno.

Domingo do Penta também teve Glenda e Mylena

A ideia original deste texto era fazer uma retrospectiva de toda a programação pós-jogo. Mas, a exceção do Planeta Xuxa do Penta, disponível para download, existem poucos registros das outras atrações.

No entanto, há o vídeo com o começo do programa que Luis Roberto comanda logo após a partida. A cobertura conta com a participação de Mylena Cirebelli e Glenda Kozlowski. A exemplo de Xuxa, elas também deixaram a Globo.

Assista ao momento:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

AvatarPiero Vergílio
Piero Vergílio é jornalista profissional desde 2006. Já trabalhou em revistas de entretenimento no interior de SP e teve passagens pelo próprio RD1. Em tempos de redes sociais, criou um perfil (@jornalistavetv) para comentar TV pelo Twitter e interagir com outros fãs do veículo. Agora, volta ao RD1 com a missão de publicar novidades sobre a programação sem o limite de 280 caracteres.
Veja mais ›