Ex-BBB diz que negras não foram estupradas na escravidão e causa revolta

BBB
Ex-BBB Adrilles causa polêmica com declaração sobre escravidão (Imagem: Fábio Rocha / Gshow)

O ex-BBB Adrilles Jorge surpreendeu até os mais céticos sobre a escravidão no Brasil e disse que no período, “as negras não foram estupradas, elas namoravam brancos”. A declaração foi feita durante o Morning Show, na rádio Jovem Pan, na última quarta-feira (27).

O ex-participante do reality show da Globo e demais convidados do programa debatiam sobre o “selo não-racista”, anunciado pelo presidente da Fundação Palmares, o bolsonarista Sérgio Camargo, quando o famoso definiu a sociedade brasileira como uma “democracia racial e miscigenada”.

“Meu avô era negro, nem por isso eu me considero negro. Então, a questão das cotas fenotípicas é muito complicada. Essa mistura difusa do brasileiro revela que a gente é uma democracia racial e miscigenada”, declarou.

Em seguida, a frase que assustou a web: “Estabelecer quem é negro ou quem é branco no Brasil é extremamente difícil. O sangue africano, negro, escravo está na maioria das pessoas que brasileiras. As negras não foram estupradas, elas namoravam com brancos”.

Para ele, o brasileiro “criou uma cultura democrática racial graças ao pouco racismo que a gente tem” e comparou com a África do Sul e Estados Unidos, “que você vê na pele o racismo, onde as pessoas são muito brancas ou muito negras”. “Não é o caso do Brasil”, garantiu. “A gente é uma democracia racial, sim. Embora exista racismo”, apontou.

“Como é que é?”, questionou uma internauta, incrédula com a declaração do ex-BBB. “O preço que se paga por ter o dom da audição…”, ironizou mais um. “Tem gente que não poder ter uma oportunidade que já quer passar vergonha”, alfinetou um terceiro. “Esse cara tinha que sair daí preso…”, defendeu outro.

Confira:

 

Ver essa foto no Instagram

 

“Ser branco no Brasil é extremamente difícil… As negras não foram estupradas, elas namoravam brancos.”

Uma publicação compartilhada por Virei Jornalista (@vireijornalista) em