Ex-BBB Gizelly faz desabafo, se emociona ao falar sobre presos e detona Bolsonaro

Gizelly
Ex-BBB Gizelly falou sobre presos e detonou Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Instagram)

A ex-BBB Gizelly Bicalho participou do podcast PodDelas e lembrou do período em que trabalhou como advogada criminalista. A influenciadora desabafou sobre os presos e aproveitou para alfinetar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Bandido bom é bandido morto, mas qual bandido? O meu cliente preto favelado ou o deputado x? O filho do deputado? O empresário? Qual eu quero matar?”, questionou a famosa, lembrando de frase que é muito utilizada por apoiadores do presidente da República.

Gizelly seguiu: “Essa frase me dói muito porque as pessoas não pensam que pode ser um filho seu. Seu filho dirigiu bêbado, bateu e matou alguém e agora ele vai ser morto. ‘Não, meu filho é gente boa’. Gente, todo mundo que é preso tem alguém que ama ele. Ele pode ser ruim para 90% da sociedade, mas para alguém ele foi bom e essa pessoa vai sofrer”.

“Falta empatia, além de faltar conhecimento básico, porque a gente tem uma Constituição que tem que ser seguida. Não acredite quando uma pessoa virar e falar: ‘Redução da maioridade penal já’. Não! Só se tiver uma nova Constituição. ‘Ah, vamos matar os criminosos’. Não vai acontecer, porque temos uma Constituição que é de 1988, só tem 32 anos. Ela tem que ser respeitada”, comentou ainda a ex-BBB.

A influencer também ressaltar que as escolas deveriam ensinar esse tipo de assunto: “Como a gente não teve constitucional na escola, o político vai chegar em 2018, falar um monte de abobrinha, que não vai acontecer, e você vai votar nele. Só que ele não vai cumprir nada daquilo, porque é inconstitucional”.

“Sabe quando isso vai estar na escola? Nunca. Porque político não quer brasileiro pensando, político quer falar qualquer asneira… Aí elege o que? Político ruim. E faz o que? Gasolina a R$ 7, a gente não pode viajar, não pode cortar o cabelo com seu cabelereiro, não tem comida, educação“, declarou ela, alfinetando Bolsonaro e lembrando da atual crise no país.

Por fim, Gizelly Bicalho encerrou comentando sobre a situação da pandemia da Covid-19. “Olha o número de brasileiros na rua durante a pandemia. A gente está passando fome. O Brasil voltou para o risco de fome. Tem gente morrendo”, completou.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›