Fátima Bernardes surpreende Rodolffo com presentes e dá aula ao vivo

Fátima Bernardes
Fátima Bernardes entrega presentes a Rodolffo (Imagem: Reprodução – Globo/ Montagem – RD1)

Fátima Bernardes recebeu Rodolffo – ao lado de Israel, com quem forma dupla sertaneja – no Encontro, da Globo, nesta terça-feira (13), e o racismo foi novamente pauta. O ex-BBB voltou a ser questionado sobre a fala racista com João Luiz Pedrosa dentro do BBB 2021.

Durante a atração, o sertanejo recebeu de presente da apresentadora três livros para aprender mais sobre o antirracismo: Pequeno Manual Antirracista, de Djamila Ribeiro; Quarto de Despejo, de Carolina Maria de Jesus; e Torto Arado, de Itamar Vieira Junior. “Eu leio e marco mesmo, penso e reflito”, comentou a famosa.

O cantor garantiu que vai ler todos eles e, em seguida, disse que tem muitos negros. “Algumas das pessoas que mais amo nessa vida, tanto família quanto amigos, são negros. Tenho o maior orgulho de ter muitos amigos, você entendeu? Não tem distinção de cor de pele, de situação financeira. Detesto esse negócio”, disparou.

“A gente vai aprender muito com esses livros. Uma coisa que foi muito falada é que a informação tá aí, a internet tá aí e a gente como artista tem que saber dessas coisas. Mas isso não foi discutido por muita gente, muita gente não teve essa informação. A gente não discutiu isso em casa”, acrescentou Israel.

O sertanejo seguiu: “Nós estudamos em escola pública a vida inteira, não foi discutido isso nas escolas na época que a gente estudava”. “O que é um erro“, concordou Fátima Bernardes. “Aliás, na escola, talvez naquela época, fosse um dos principais lugares de bullying e racismo”, lembrou Rodolffo.

A apresentadora do Encontro, então, deu uma aula: “Nos dias de hoje, é o que a gente fala, não basta mais a gente ter amigos ou a gente conviver e trabalhar [com pessoas negras], a gente tem que ajudar e estar junto nessa luta sabendo o que eles precisam para que a gente possa de alguma maneira colaborar”.

“A gente colabora não fazendo mais e recriminando aquele colega que manda aquela piada no grupo de WhatsApp ou em outro lugar”, garantiu a global.

A titular do Encontro ainda completou: “Em relação ao machismo, ao racismo é muito importante a gente estar atento. A gente pode achar que só a nossa fala, mas as pessoas ficam muito sobrecarregadas desse tipo de comportamento e chega uma hora que as pessoas não aguentam mais realmente”.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›