Galvão Bueno faz homenagem a Rayssa Leal após conquista importante

Galvão Bueno
Galvão Bueno se encanta com skatista (Imagem: Reprodução / Globo)

Assim como vários famosos, Galvão Bueno usou suas redes sociais para celebrar a conquista de Rayssa Leal. A skatista brasileira, de 13 anos, conseguiu ficar com a medalha de prata na modalidade Street. Essa é a terceira medalha do país nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Em seu Instagram, o famoso postou uma foto da atleta brasileira e, na legenda da publicação, brincou com o apelido da skatista – fadinha. O narrador da Globo afirmou que sempre acreditou nestes seres mágicos e que o Brasil todo ama a jovem.

“Eu sempre acreditei em Fadas! Rayssa, o Brasil te ama!”, escreveu o contratado da Globo, que recebeu milhares de comentários de seguidores concordando com ele.

O perfil do SporTV comentou na postagem de Galvão Bueno. “Se o mestre falou, assino embaixo! Que lindo, né Galvão? A fada é brasileira, é maranhense”, declarou.

“Simplesmente fantástica. Fadinha, você é muito talentosa que venham mais umas 5 olimpíadas. Valeu”, comentou outro internauta.

Neste final de semana, o filho mais velho de Galvão, Cacá Bueno, completou 45 anos. Em uma breve publicação em seu perfil no Twitter, o narrador da Globo fez uma homenagem ao herdeiro.

“Aniversário é sempre um dia de vitória!! Tenho muito orgulho de vc!! Que Deus te abençoe sempre!! Te amo!!”, escreveu o global. Nos comentários, alguns internautas deixaram uma mensagem de carinho para o rapaz. “Parabéns pelo filhão e pelo sucesso dele, Galvão”, disse uma admiradora. “Saúde e tudo de melhor para você, Cacá”, desejou outro.

Para quem não sabe, Carlos Eduardo dos Santos Galvão Bueno, mais conhecido como Cacá, é o maior campeão do atual grid da Stock Car, com cinco títulos, atrás apenas do já aposentado Ingo Hoffmann, que ganhou 12 campeonatos na categoria.

Ele começou no kart aos 12 anos, categoria onde obteve alguns importantes títulos, como a Copa de Prata de Kart (1989) e o Campeonato Paulista de Kart, em 1992. Migrou para os carros pela Copa Fiat Uno em 1995, ano em que foi escolhido como o melhor estreante da categoria.

Sua primeira temporada na Stock Car foi em 2002, e já eleito o melhor novato, com impressionantes marcas. Cacá subiu ao pódio em sua segunda corrida, em Curitiba (2º lugar) e venceu três etapas (Rio de Janeiro, Guaporé e Londrina). Com os resultados, ele terminou em terceiro lugar no campeonato. Ingo Hoffmann foi o campeão.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›