Geisy Arruda desabafa após ser barrada em restaurante de Portugal

Geisy Arruda
Geisy Arruda tratou de comentar sobre o assunto (Imagem: Reprodução / Instagram)

Viajando por Portugal, Geisy Arruda passou por uma situação nada agradável nesta semana, ao tentar entrar em um restaurante. A influenciadora revelou em seus stories que foi barrada porque os atendentes não conseguiram ler o passaporte de vacinação contra a Covid-19.

“A mulher não conseguiu ler meu passaporte. O e-São Paulo não se lê aqui. O do SUS está fora do ar. E não me vendeu comida, disse que eu tinha que fazer um PCR. Um PCR pra comer!”, desabafou, completando:

“Minha sorte é que vim em outro restaurante, com atendentes brasileiros, e fui compreendida. Não tenho culpa se meu QR Code não é lido neste país. Quero Brasil. Brasil, se eu te critiquei, me desculpa. Eu já tô de saco cheio desse negócio”.

Geisy Arruda é flagrada pelada

A famosa foi flagrada pelo fotógrafo de sua assessoria de imprensa de forma bem ousada na varanda de casa. Na ocasião, ela estava sem suas peças íntimas.

Na ocasião, ela estava apenas com um look transparente. Diretamente da janela de casa, a artista fez posições estratégicas e pôde ser vista pelos vizinhos.

“Sempre fico excitada com a ideia de estar sendo observada pela janela”, disparou Geisy Arruda, na declaração divulgada pela sua equipe.

O ensaio sensual foi feito em formato de flagras e a intenção era parecer que ela estava sendo flagrada pelos vizinhos:

“Logo eu que ando nua pela casa , dentro de casa fico sempre muito à vontade”.

O ensaio completo, sem cortes, está disponível no OnlyFans.

Geisy Arruda vende fotos íntimas

A famosa voltou a dar spoilers do conteúdo adulto que vende na plataforma OnlyFans e, em entrevista ao UOL, revelou que há várias fotos íntimas que eram enviadas diretamente para o seu ex-namorado.

O namoro acabou, mas ela fazia questão de salvar tudo que mandava e passou a faturar também dessa maneira. Em seu site, ela cobra US$ 29,90 (cerca de R$ 167) mensais ou pacotes de vários meses com desconto.

Segundo ela, o conteúdo vale cada centavo investido:

“Tenho um acervo pessoal grande. Namorei muitos anos um rapaz que morava em Recife e outro de Portugal. Por namorar à distância, estou acostumada a fazer vídeos caseiros, eróticos. Nunca apaguei esses vídeos porque sempre achei muito sexy e bonitos. Aos poucos vou liberá-los porque é muita coisa”.

“É um pouco mais caro porque vou dar um meu melhor. Literalmente. Há coisas que só o meu ex-namorado viu e eu não apaguei por dó. Quem paga tem essa exclusividade. É como se eles [os assinantes] fossem os meus namorados. É assim que eu os trato”, explicou.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Guinho Santos
Guinho Santos é formado em Jornalismo e escreve sobre o universo das celebridades há dez anos. Reality show, bastidores da TV e novelas também são seus pontos fortes. Além disso, possui experiência como Social Media e apresentador. Seu canal na web é através do Instagram @guinhosantos__.
Veja mais ›