Globo altera mais uma vez o formato do Show da Virada; saiba detalhes

Show da Virada
Show da Virada 2022 trará mudanças em seu formato (Imagem: Divulgação / Globo)

O tradicional Show da Virada mais uma vez não terá uma gravação especial. Diferente do ano passado, quando a Globo exibiu um compacto com os melhores momentos da atração dos outros anos, o canal promete agora “um formato nunca antes visto”.

Exibido anualmente desde 1998, o especial deste final de ano vai reunir clipes, shows e atrações musicais. Em plano comercial, a Globo anuncia a nova edição da atração como “uma grande mistura de gêneros musicais favoritos dos brasileiros com apresentações marcantes da história”.

O canal não deixa claro quais artistas terão as suas músicas exibidas no Show da Virada 2022, mas salienta que haverá uma grande mistura de ritmos. Como de costume, o clássico da grade da emissora será levado ao ar mais uma vez no dia 31 de dezembro, depois de Um Lugar ao Sol.

No ano passado, cabe ressaltar, a Globo chegou a cogitar exibir shows ao vivo de Ivete Sangalo e Gusttavo Lima, que comandariam o Réveillon de Salvador. A ideia foi descartada por causa do aumento de casos da Covid-19 no país.

Situação delicada

A situação do Hora do Faro é de preocupação na Record. O programa tem sofrido para conquistar o segundo lugar de audiência no ranking da TV aberta. Diferente do ano passado, o dominical não tem conseguido elevar os seus números nem com a ajuda de A Fazenda 2021.

No último fim de semana, a atração de Rodrigo Faro chegou a vencer Eliana por uma pequena diferença. A situação é motivo de comemoração, já que a loira do SBT tem dado um “banho” no concorrente neste ano. Resta saber como será depois da final do reality…

Enredo semelhante

Sangue novo do horário das sete, Mauro Wilson revisita em Quanto Mais Vida, Melhor! o mote de Os Amadores. O especial de fim de ano exibido pela Globo entre 2005 e 2007 contava com quatro homens na faixa dos 40 anos, que, após passagens pelo CTI, decidiam modificar os rumos de suas vidas. O mesmo se dá com Paula (Giovanna Antonelli), Neném (Vladimir Brichta), Guilherme (Mateus Solano) e Flávia (Valentina Herszage) após o encontro com a Morte (A Maia):

Mais forte do que eles terem morrido, é a ideia de que um deles vai morrer em um ano. […] A ideia é ajeitar os erros e pensar no que eles realmente querem da vida. Eles partem pra isso, mas não dá certo”, analisa o autor, que também reverencia, na trama, outros de seus trabalhos.

Tem uma coisa de ‘A Mulher Invisível’, tem muito da ‘Grande Família’. A dona Nedda (Elizabeth Savala) seria muito amiga da dona Neném (Marieta Severo)”, diverte-se Mauro.

Falando nisso

Outra curiosidade marca a estreia de Mauro Wilson como titular em novelas. A mudança de gênero, por conta da pandemia de Covid-19, não implicou em alterações na forma de trabalhar. Habituado a entregar todos os episódios de um seriado antes do início das gravações – trabalhando sem a resposta do público –, Mauro se viu de novo nesta situação com Quanto Mais Vida, Melhor!, praticamente toda gravada antes da estreia, o que não costuma acontecer com tramas de exibição diária em condições normais.

Eu sou ator de seriado e fui fazer uma novela como história aberta. Para ver onde o público influencia, onde vai ser mudado, quem fica com quem, quem vai morrer. E não aconteceu isso. Eu fiz um seriado de 161 capítulos. Por outro lado, isso deu a oportunidade de ter mais tempo para rever a novela, de reavaliar uma trilha, de voltar e fazer diferente. É uma comédia romântica, mas tem um drama, tem o afeto”, avisa ele.

MAIS LIDAS

Curto-Circuito, por Luiz Fábio Almeida
A coluna Curto-Circuito é assinada por Luiz Fábio Almeida, editor-assistente do RD1, e reúne, de terça a sábado, no início da tarde, o que é e vai virar notícia nas próximas horas envolvendo os movimentados bastidores da TV.
Veja mais ›