Globoplay vai disponibilizar novelas portuguesas em seu catálogo

Globoplay
Tramas vão entrar no catálogo do Globoplay (Imagem: Divulgação)

O Globoplay anunciou que vai aumentar seu catálogo de teledramaturgia no ano que vem. Durante a CCXP, que aconteceu no último fim de semana, a plataforma revelou que vai contar com duas novas tramas internacionais.

Tratam-se de Ouro Verde, exibida em 2017 na Band, e Na Corda Bamba, de 2020, ambas novelas portuguesas. A primeira, inclusive, foi considerada sucesso nacional e internacional.

O folhetim, que traz o protagonista Zé Maria (Diogo Morgado) como um herói, bateu recordes e foi a novela mais assistida desde 2012, sendo exportada para 60 países.

A trama traz nomes brasileiros no elenco, como Silvia Pfeifer, que interpreta Monica, e Gracindo Júnior, dando vida a Januário. Bruno Cabrerizo, Zezé Motta e Úrsula Corona também estão na novela.

Na Corda Bamba, por sua vez, fez tanto sucesso que teve duas temporadas e chegou a ser indicada ao Emmy Internacional em 2020. Lucélia Santos e Úrsula Corona estão no elenco.

Repercussão após série no Globoplay

Por falar na plataforma da Globo, um dos sucessos no Globoplay, o documentário O Caso Evandro trouxe à tona áudios que podem mudar o rumo da condenação de três pessoas pela morte do garoto Evandro Ramos Caetano, em Guaratuba.

Segundo o G1, os novos documentos embasam o pedido de revisão criminal, protocolado na segunda-feira (6) pela defesa Beatriz Abagge, Davi dos Santos Soares e Osvaldo Marcineiro. Pareceres técnicos apontam que houve violência física durante a confissão dos condenados.

A série mostrou falas e eventos sonoros comprometedores em gravações dos depoimentos dos condenados. Perícias contratadas pela defesa dos três condenados, então, apontam as agressões que eles sofreram.

Cabe lembrar que, desde o início do processo, os acusados alegam que confessaram os crimes mediante tortura. Eles foram condenados a mais de 18 anos de prisão pela morte do garoto, que aconteceu em 1992.

“Se essa fita que foi tirada dos autos no momento oportuno, estas pessoas não teriam sido condenadas”, afirmou o advogado Antonio Figueiredo Basto.

O parecer diz: “A respiração ofegante durante a fala pode ser o resultado de vários fatores, dentre eles, o esforço físico exagerado e a submissão do falante a violência física e emocional e a situações de estresse e ansiedade intensos”.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›