Guga Chacra ataca Bolsonaro e expõe a verdade após foto do presidente ao lado de ditador

Guga Chacra
Guga Chacra detona imagem de Bolsonaro ao lado de ditador (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

A imagem do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) apertando a mão do ditador Mohammad bin Salman, da Arábia Saudita, rendeu duras críticas de Guga Chacra contra o político brasileiro. Correspondente internacional da Globo em Nova York, o comentarista lembrou que Bin Salman mandou esquartejar um jornalista dissidente.

Na lista das crueldades praticadas pelo ditador, Guga destacou: “Mata crianças em bombardeios no Yemen, apoia jihadistas na Síria, impõe apartheid contra mulheres e homosexuais, proíbe igrejas e sinagogas, mantém a mãe em cativeiro e adora entorpecentes”.

O correspondente lembrou que na Arábia Saudita o cristianismo foi proibido. “E tem mais. Bolsonaro reclama da cristofobia. De fato, existe. Na Arábia Saudita, cristianismo é proibido. Será que o presidente do Brasil falou algo para o ditador Bin Salman? Claro que não!”, detonou.

Em seguida, Chacra resgatou um detalhe histórico: 15 dos 19 terroristas do atentado de 11 de Setembro eram sauditas. O desabafo do contratado da Globo ganhou o apoio do Twitter. Ao todo, a publicação alcançou mais de 40 mil interações em menos de 24 horas.

Na rede social, Bolsonaro deu detalhes do encontro com o príncipe ditador. “Hoje conversei com o Príncipe Herdeiro da Arábia Saudita, Mohammad bin Salman Al Saud, e dar seguimento às iniciativas acordadas em minha visita a Riade, em out/2019. Estamos aprofundando nossa cooperação em Defesa, comércio, investimentos e outros temas”, declarou.

Confira:

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com