Internado, Heitor Martinez apresenta melhora e equipe médica toma decisão

Heitor Martinez
Heitor Martinez enfrenta luta contra a Covid-19; ator tem apresentado melhora (Imagem: Blad Meneghel / Record)

Heitor Martinez, de 52 anos, segue internado com Covid-19, mas tem apresentado melhoras em seu quadro de saúde. Hospitalizado desde o último dia 3, o ator da Record até terá mudanças em seu tratamento, após avalição da equipe médica.

O novo boletim médico divulgado pela assessoria do famoso, nesta segunda-feira (12), informou que, dada a evolução do quadro, os médicos avaliam retirar o suporte de oxigênio usado por ele.

“A equipe médica está avaliando a possibilidade de tirar o oxigênio, tendo em vista que sua capacidade respiratória está se regularizando. Continua ainda em observação para garantir a total recuperação. Não temos dúvidas que toda a maravilhosa energia e manifestações de carinho estão fazendo a diferença para nossa família e, principalmente, para o Heitor”, garantiu a nota.

Atualmente, Heitor Martinez vem recebendo o aporte de oxigênio por meio de CNAF – uma cânula nasal de alto fluxo, após complicações da doença.

Ele foi internado no CTI da Clínica São Vicente, na Zona Sul do Rio de Janeiro, no final de semana passado. Mas o artista já vinha tendo acompanhamento médico para a doença em casa.

Na data da internação, Heitor já manifestava sintomas da doença há oito dias, mas estava se tratando em casa com um quadro relativamente bom e sem dor.

Cabe lembrar que o ator está escalado para a penúltima fase de Gênesis, centrada em Jacó (Petrônio Gontijo). Na trama da Record – cujas gravações só foram suspensas, em decorrência da pandemia, após protestos do elenco –, ele viverá Labão. Não se sabe se Heitor já estava gravando.

O trabalho mais recente de Martinez na TV foi justamente na emissora de Edir Macedo. Ele marcou presença em Amor Sem Igual (2019), como o vilão Bernardo; os trabalhos da trama foram concluídos em meio à luta contra o coronavírus, após a pausa imposta em março do ano que vem, quando a situação da Covid-19 no Brasil começou a se agravar.

Heitor Martinez já havia participado de produções da Globo quando ganhou notoriedade em Fascinação (1998), do SBT. Voltou à emissora-líder como Claudionor, tipo atraente que agradou a audiência de Suave Veneno (1999). Esteve ainda em Uga-Uga (2005), O Quinto dos Infernos (2002), A Casa das Sete Mulheres (2003) e Senhora do Destino (2004).

O ator migrou para a Record em 2005, no auge dos investimentos do canal em dramaturgia. Após Prova de Amor, emendou quatro vilões: Jackson de Vidas Opostas (2006), Petrônio em Amor e Intrigas (2007), Nicolau de Ribeirão do Tempo (2010) e Martin em Máscaras (2012). Na fase bíblica, atuou em Os Dez Mandamentos (2015) e O Rico e Lázaro (2017). Há dois anos, esteve em O Sétimo Guardião, da Globo.

Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›