Irritado, Aguinaldo Silva posta vídeo em que Marco Pigossi elogia Fina Estampa

Aguinaldo Silva
Aguinaldo Silva provocou Marco Pigossi sobre críticas contra Fina Estampa; ator viveu Rafael na trama em reprise às 21h (Imagens: Divulgação / Globo)

Aguinaldo Silva está irritado com as críticas que tem recebido por Fina Estampa (2011), que está sendo reprisada na Globo em horário nobre. No entanto, o comentário polêmico de Marco Pigossi sobre o folhetim acabou revoltando ainda mais o novelista.

Após rebater a declaração do ator, que deu vida ao Rafael na trama, o escritor resgatou um vídeo de 2012 em que o artista elogia a produção. A gravação foi feita, na época, para o Vídeo Show.

Como forma de provocar o contratado da Netflix, Aguinaldo Silva postou o vídeo em sua rede social com a legenda: “Vale a pena ver de novo”.

“Espero que vocês tenham curtido e se emocionado com essa cena, que nem eu curto e me emocionei. Me despeço de Fina Estampa. Vou usar o Vídeo Show para agradecer todo mundo, equipe, elenco, Wolf [Maya], Aguinaldo [Silva], que foram belos companheiros de trabalho”, afirmou o ator, na ocasião em que foi chamado pelo programa para eleger sua cena favorita.

Marco Pigosse ainda completou: “É uma família. Cada final de novela é isso. Você se separa da sua família para depois se encontrar em próximas. É com muito carinho que dou um grande beijo em todo mundo”.

A polêmica

Toda a confusão teve início quando o ator criticou a “qualidade” de Fina Estampa. Em live conduzida por João Vicente de Castro, Pigossi disparou que a novela na qual ele viveu Rafael “deveria ser proibida de reprisar porque são tantas barbaridades”.

Cabe lembrar que a trama voltou ao vídeo em março, às 21h, após a Globo optar pela interrupção de Amor de Mãe por conta da pandemia de coronavírus.

“Eu tinha 22 anos, com umas mechas loiras no cabelo. Fora o que se falava. Essa novela deveria ser proibida de reprisar porque são tantas barbaridades. É uma loucura passar uma novela dessa”, afirmou o famoso.

“Em 2011 era um tempo em que as pessoas ainda podiam se dar o direito de [falar:] ‘Ai, eu não ligo pra política’. Não tinha muito essa… Era o começo dessa discussão. Agora você passar uma novela dessas hoje é uma loucura. […] Eu tenho vergonha de algumas coisas que são faladas na novela, de como são tratadas na novela, vergonha um pouco também da minha atuação, tenho vergonha das minhas mechas loiras. Mas faz parte”, concluiu.

Em seguida, Aguinaldo retrucou: “Um ator diz que ‘Fina Estampa’ ‘devia ser proibida de ser reprisada’. Acho que ele quis dizer que os 50 milhões de espectadores que a veem deviam ser proibidos de gostar tanto da reprise da novela. E eu, que vivi os tempos da Censura, achando que finalmente era proibido proibir”.

“Aliás, deixem que lhes diga uma coisa: quando um artista que se considera libertário diz que o trabalho de mais de 150 pessoas que vivem das artes como ele devia ser proibido. Bem, alguma coisa está errada…”, completou.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.