Iza faz desabafo sobre pandemia e perda de pessoas próximas para a Covid-19

Iza
Iza perdeu duas pessoas próximas para o coronavírus (Imagem: Reprodução / Instagram)

Encarando a pandemia e o isolamento social com a seriedade e responsabilidade necessária, Iza, que tem se resguardado o máximo possível, revelou que viveu a dor de duas perdas para a Covid-19.

“Eu sofri duas perdas, uma atrás da outra. Me desestabilizou. É muito cruel perder alguém para a Covid-19. Você não pode colocar nem um vidro no caixão para se despedir da pessoa”, lamentou a cantora, em conversa com a coluna de Leo Dias, do Metrópoles.

“São pessoas muito amadas, cheios de familiares e amigos que lotariam o velório, e não puderam ter a despedida que mereciam. Isso me deixou muito mal”, completou ela.

A famosa ainda pontuou: “Foi importante parar com tudo, me desconectar e ficar mais próxima da minha família para poder passar por isso. Acho que muita coisa poderia ter sido evitada. Mas, ao mesmo tempo, acredito no poder soberano de Deus. Sou muito ligada à minha fé e foi isso que me ajudou a entender que talvez estivesse mesmo na hora deles irem. Mas é difícil”.

Ainda em conversa com o colunista, Iza também falou sobre o racismo. “O Brasil é tão racista que a gente não consegue nem dividir isso em questões sociais ou econômicas, porque todas essas coisas nos atingem de todas as formas”, analisou a cantora.

“Você ser famosa, ser reconhecida, estar vestida de tal forma, inibe essas coisas. Eu era seguida nas lojas. Isso faz parte das nossas vidas! Quantas vezes minha mãe me pedia para não andar com fone na rua, não andar com capuz, sair correndo ou guardar o guarda-chuva na mochila”, recordou a artista.

Voz ativa na luta contra o preconceito, Iza, que já foi indicada ao Grammy Latino em 2018 pelo seu primeiro álbum, o Dona de Mim, destacou a importância do apoio entre os negros nas redes sociais, visando aumentar a influência e representatividade: “É importante as pessoas falarem sobre isso, mas consumam também! Os artistas negros, as mulheres incríveis da moda. Acho que existem formas de fomentar, não só ‘militando’ na internet”.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›