Jornal Hoje explode, JN cresce e Jornal da Globo mantém público no pior dia da pandemia

Jornal Hoje
Maju Coutinho no Jornal Hoje, William Bonner no JN e Renata Lo Prete no JG; telejornais registram a liderança (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

Nesta terça-feira (16), o Brasil registrou o seu pior dia dentro da pandemia do coronavírus, e o público buscou a informação nos telejornais da Globo. Desde o início da manhã com o Bom Dia Brasil até o Jornal Hoje, Jornal Nacional e Jornal da Globo. Os três últimos se destacaram pela grande audiência alcançada.

No ar das 8h29 às 9h31, o Bom Dia Brasil comandado por Ana Paula Araújo anotou 8,9 pontos de média, 9,8 pontos de pico e 30% de share (número de televisores ligados), ante 4,5 do SBT, 3,9 da Record, 1,0 da Band e 0,2 da RedeTV!.

Logo após a hora do almoço, das 13h25 às 14h54, a Globo levou ao ar o Jornal Hoje com Maju Coutinho, que consolidou média de 13,9 pontos, 15,2 pontos de pico e 28% de participação, ante 9,7 da Record, 4,9 do SBT, 1,7 da Band e 0,1 da RedeTV!.

No Prime Time, das 20h30 às 21h29, o Jornal Nacional com William Bonner e Renata Vasconcellos cravou o 1º lugar com 31,7 pontos de média, 34,6 pontos de pico e 43% de share, ante 10,6 pontos da Record, 6,9 do SBT, 1,2 da Band e 0,4 da RedeTV!.

Exibido na madrugada pelo “trânsito” de programas após Amor de Mãe, o Jornal da Globo com Renata Lo Prete foi líder sem sustos. No ar da 1h25 às 2h11, o telejornal obteve 6,7 pontos de média, 7,5 pontos de pico e 27% de participação, ante 2,6 do SBT, 1,0 da Record, 0,7 da Band e 0,5 da RedeTV!.

O noticiário dedicou a última terça-feira ao mundo político em Brasília com a chegada do novo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e o número atualizado da crise sanitária no país: 2.798 mortes e 84.124 casos confirmados de Covid-19 nas últimas 24 horas.

Ao longo do dia, a Globo ainda levou ao ar o telejornal matinal Bom Dia São Paulo (7,5), o SP1 (13,5) na hora do almoço e logo depois o Globo Esporte SP (12,8). À noite o SP2 (25,0) e Profissão Repórter (8,1), e na madrugada o Hora 1 (4,3).

Os dados são consolidados pelo Ibope na Grande São Paulo.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›