Jornal Nacional dá o que falar e viraliza ao massacrar Bolsonaro por descaso

Jornal Nacional
Jornal Nacional virou assunto após discurso contra o presidente (Imagem: Reprodução / Globo)

O Jornal Nacional virou um dos assuntos mais comentados na noite de ontem (6), após ter feito um editorial forte contra o presidente Jair Bolsonaro (PL).

No Twitter, bolsonaristas criticaram o posicionamento da emissora carioca. No entanto, muitos internautas elogiaram a atitude do telejornal, que falou sobre o comentário do presidente a respeito da vacinação de crianças.

“Que delícia, o Wiliam Bonner e a Renata Vasconcellos comendo o uc desse lixo“, reagiu um internauta. “Parabéns @jornalnacional que editorial importante!”, comentou Miriam Leitão, em seu perfil.

Outro telespectador escreveu: “Obrigado #JornalNacional pela comida de rabo naquele que se diz presidente #JN”. “Rede Globo é a única emissora que mostra para o Brasil a Desgraça que é o Governo Bolsonaro. O governo do diabo, da morte, da fome, inflação, desemprego, da miséria, das trevas e do caos. Só o capiroto aplaude!”, desabafou mais um.

Jornal Nacional detona o presidente

No JN, William Bonner iniciou dizendo que “as declarações do presidente Jair Bolsonaro sobre as mortes de crianças por Covid afrontam a verdade e desrespeitam o luto de milhares de brasileiros – parentes e amigos das mais de 300 vítimas de 5 a 11 anos”.

O âncora ainda ressaltou que “o presidente também desrespeita todos os técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária ao questionar qual seria o interesse da Anvisa com a autorização da vacinação de crianças”.

Ele fez referência ao fato de Bolsonaro ter questionado uma suposta “tara” das pessoas pela vacina.

O apresentador do JN ainda apontou o 4º artigo da lei, que “determina que a agência atue como entidade administrativa independente e que as prerrogativas necessárias ao exercício adequado de suas atribuições sejam asseguradas”.

Ainda no raro editorial, o JN lembrou sobre o artigo 196 da Constituição e disse que o presidente da República contrasta a ele.

“Em razão dessa demora, as famílias brasileiras têm ainda que aguardar ao menos mais sete dias até a chegada das primeiras doses pediátricas”, disse Renata Vasconcellos.

Bonner finalizou: “Como se não bastasse, nesta quinta-feira (6), ele insistiu em atacar as vacinas. O presidente Jair Bolsonaro é responsável pelo que diz, pelo que faz. Espera-se que venha também a ser responsável por todas as consequências daquilo que faz e diz”.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›