Juliana Paes revela se tem vontade de ser mãe de uma menina

Juliana Paes
Mãe de Antonio, de 7 anos, e Pedro, de 9, Juliana Paes revelou se tem vontade de aumentar a família (Imagem: Reprodução / Instagram)

Juliana Paes concedeu recentemente uma entrevista ao programa Fala Celio, do canal no YouTube do publicitário Celio Aschar Jr, na qual falou sobre beleza, carreira e família. Mãe de dois filhos, Antonio e Pedro, de 7 e 9 anos, respectivamente, a artista revelou se pretende ter mais um herdeiro.

“Essa pergunta é complicada. Eu tenho muita vontade de ter uma Julianinha, mas eu tenho medo. Não medo em relação aos processos da maternidade, mas educar é muito difícil. Exercitar a maternidade plenamente trabalhando do jeito que a gente trabalha, é complicado”, afirmou ela, que revelou que se tivesse uma menina ela se chamaria Helena ou Rosa.

A famosa falou ainda sobre a recente mudança em seu visual, assumindo assim seus cachos naturais. “Um dia, deixei os cabelos secarem naturalmente e vi que meus cachos estavam lindos. Lembrei como eu era e pensei: ‘Gente, eu sou assim, eu sou cacheada. Porque eu estou fazendo isso, colocando produto no meu cabelo? Vou usar assim’. Acho que a pandemia fez as pessoas levantarem algumas reflexões e apararem padrões. Conforme as pessoas elogiavam eu ficava mais motivada”, revelou a atriz.

A global também falou que no momento que decidiu assumir seus cachos, não passou por sua cabeça desafiar os padrões de beleza. “Não calculei esse movimento: ‘vou aparecer cacheada e quebrar a internet’. Eu simplesmente tive vontade, me gostei e quis aparecer assim. Mas claro que fiquei feliz com a repercussão. Nós artistas gostamos de aprovação e sofremos quando somos criticadas. Eu já amadureci muito em relação a isso, mas ainda gosto de sentir os ecos positivos de algo que faço”, relatou.

A artista ainda relembrou o início da carreira no qual ficou marcado por fazer muitos papéis que exploravam a sensualidade. Hoje, após dar vida a mulheres empoderadas e donas de si como a Maria da Paz, o seu último trabalho na TV em A Dona de Pedaço, ela reconheceu o receio que teve de ficar estigmatizada. “Foi algo que tive muito medo. Nesses primeiros personagens, o que foi me foi pedido era isso, beleza, sensualidade etc. Mas eu sempre fui muito intuitiva e pensava que se a a chance me foi dada dessa maneira, eu precisava aproveitar da melhor forma possível”, lembrou.

“De repente, seria mais fácil recusar, não aceitar fazer novamente uma personagem sexy, mas alguma coisa me dizia que se eu fizesse bem, respeitando os processos, respeitando as pessoas a minha volta, deixaria uma marca, não só no público, como nas pessoas que trabalhavam comigo. Sempre acreditei muito nisso. Então, peguei os papéis do jeito que vieram e tentei trabalhar da melhor maneira possível. De alguma forma a vida vai reconhecendo esses esforços”, completou.

Veja:

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com