Kéfera Buchmann denuncia fake news envolvendo seu nome e aponta machismo como culpado

Kéfera Buchmann
Kéfera Buchmann denuncia fake news envolvendo seu nome e aponta machismo como culpado (Imagem: Reprodução / Instagram)

Kéfera Buchmann é bem engajada nas redes sociais há anos e vez ou outra se vê como alvo de fake news envolvendo seu nome. Nessa vez, foi atribuída a ela uma piada de gosto bastante duvidoso, a qual ela negou e acusou o machismo como culpado dessa atitude.

Chamei Uber e era uma mulher, o que vocês acham? Dormi tranquila o trajeto todo, sem medo de macho me assediar ou me estuprar. Só acordei quando ela bateu o carro”, dizia a mensagem, que supostamente foi postada no Twitter da influenciadora.

Sem demora, Kéfera tratou de negar que já tenha escrito isso: “Fake! Estão espalhando em grupos de WhatsApp esse print mentiroso, como se tivesse sido escrito por mim. Olhem a data do tweet e procurem esse post no meu Twitter… Não existe, pois é fake”.

Veja Também

Por fim, a famosa interpretou essa novidade como algo vindo de um movimento que tenta lhe prejudicar intencionalmente, por ser mulher:

Não é novidade que ainda existam pessoas tentando me prejudicar, mas entendo como é difícil reconhecer uma mulher bem sucedida. Fizeram essa montagem com uma piadinha machista, zoando mulheres, coisa que vocês bem sabem que eu jamais faria. Fiquem atentos caso recebam isso… Recebi hoje através de um amigo, que veio me alertar que isso está acontecendo”.

Confira:

Kéfera frisa fato de ser atriz e solta o verbo sobre propostas de trabalho

Apesar de ser muito conhecida pelo seu trabalho nas redes sociais, Kéfera fez questão de frisar que é atriz e que estudou por muito tempo para isso.

No Instagram, a famosa postou uma série de fotos em que aparece com a palavra “atriz” riscada pelo corpo. “Eu não sou influencer. Eu sou atriz”, diz uma frase no braço da artista.

Em uma publicação, Kéfera escreveu: “Autoafirmação / 1. defesa da própria identidade, direitos, opiniões, desejos; afirmação. / 2.tentativa ou fato de se impor à aceitação do meio; afirmação”.

Nos Stories, a famosa desabafou: “Se você não confia no meu potencial como atriz, não me convide pra preencher a cota de elenco dos influenciadores. Eu não estudei teatro desde os 16 anos pra ser uma máquina de fazer números”.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTQIA+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›