Luciano Hang cobra valor alto de Lucas Silveira, da Fresno, por danos morais; entenda

Luciano Hang
Luciano Hang briga com Lucas, da banda Fresno, na Justiça (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Luciano Hang, dono da Havan, está mais uma vez travando batalha na Justiça. Desta vez, o empresário recorreu à Justiça de Santa Catarina contra o vocalista Lucas Silveira, da banda Fresno.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

A informação foi divulgada pelo jornalista Ancelmo Gois, do jornal O Globo, que ressaltou que o bolsonarista pede uma indenização de R$ 100 mil por danos morais. Além disso, ele pede a retirada de postagem crítica feita pelo cantor.

O motivo da ação é um post feito por Lucas Silveira em 23 de março deste ano. Nela, o cantor da banda Fresno comenta uma notícia sobre o varejo brasileiro: “O Luciano Hang, ‘aka’ ‘VÉIO FDP DA HAVAN’ é provavelmente o maior paunoku da história desse país”.

publicidade

Veja Também

De acordo com a defesa de Luciano Hang, a postagem e os termos usados “enxovalham a honra do empresário e causam danos morais indenizáveis, notadamente pelo exercício abusivo do direito à liberdade de expressão”.

Felipe Neto debocha de Luciano Hang após vitória na Justiça

Recentemente, Hang foi derrotado por Felipe Neto em ação na Justiça. O empresário bolsonarista abriu uma queixa-crime contra o youtuber após comentário em rede social.

Após a nova vitória, o influenciador publicou um vídeo debochando do dono da Havan e escreveu: “Ei, @LucianoHangBr, você acaba de perder o 4° (QUARTO) processo pra mim. Você prometeu muito, mas você é fraco. Um grande beijo, querido!”.

A mais nova atitude do apoiador do presidente Jair Bolsonaro (PL) foi rejeitada hoje pelo TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro). A decisão foi assinada pelo juiz Rubens Roberto Rebello Casara.

publicidade

O processo aponta que Felipe Neto foi acusado de cometer o crime de calúnia por insinuar que Luciano Hang teria falsificado o atestado de óbito da própria mãe.

A publicação citada no processo foi feita no dia 23 de setembro. Na ocasião, Neto insinuou que Hang adulterou o atestado de óbito e de que ele teria ligações com os médicos da operadora de saúde Prevent Senior. A empresa é acusada de medicar pacientes com o chamado kit Covid, comprovadamente ineficaz contra a doença.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Da RedaçãoDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.