Marcelo D2 acusa Bolsonaro de lavagem de dinheiro após escândalo

Marcelo D2
Marcelo D2 detona Bolsonaro em rede social (Imagem: Reprodução – Instagram – SBT / Montagem – RD1)

Marcelo D2 soltou o verbo contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) após os gastos exorbitantes do Executivo Federal no supermercado em 2020. Apenas com leite condensado, o governo gastou R$ 15 milhões. Revoltado, o cantor acusou o “capitão” de lavagem de dinheiro.

Assim que a notícia sobre o supermercado do Governo Bolsonaro explodiu na web, o artista deu sua opinião no Twitter: “Parece larica mas é lavagem de dinheiro mesmo. Como de costume”.

Em outro post, Marcelo D2 questionou o seguinte: se a lata de leite condensado foi superfaturada, no valor de R$ 162 o produto, “imagina quanto não pagaram na cloroquina”.

O escândalo bombou nas redes sociais e provocou a queda do Portal da Transparência, o que causou outra indignação. “Então quer dizer que tiraram o Portal de Transparência do ar? Vão falar que foi o hacker e vai ter gente defendendo… Bom dia meu povo”, ironizou na manhã de hoje (27).

D2 continuou com o seu discurso matinal anti-governo e fez uma reflexão: “Acordei com uma frase do Bezerra da Silva hoje na cabeça: ‘Para ter esses espertos aí, tem que ter muito otário mesmo'”.

Em 2020, o governo de Jair Bolsonaro gastou mais de R$ 1,8 bilhão em alimentos, sendo R$ 15 milhões apenas com leite condensado, um dos produtos preferidos do presidente. As informações são do portal Metrópoles.

Confira:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›