Maria Beltrão diz que Lula não é inocente após decisão da ONU e irrita petistas

Maria Beltrão
Maria Beltrão diz que Lula não é inocente após decisão da ONU e irrita petistas nas redes sociais (Imagen: Reprodução / GloboNews)

Após a decisão do Comitê de Direitos Humanos da ONU (Organizações da Nações Unidas), que declarou parcialidade do ex-juiz Sergio Moro no julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Maria Beltrão, da GloboNews, acabou se envolvendo em uma polêmica.

A princípio, a apresentadora começou a situação envolvendo os processos movidos pela Operação Lava Jato, declarando que, para ela, isso não torna o petista inocente. Ela pontuou que a segunda turma do Supremo Tribunal Federal também já reconheceu a parcialidade de Moro.

“É evidente que todo cidadão tem o direito de um julgamento justo. E na visão dessa Comissão da ONU, visão que depois foi a mesma visão da própria Segunda turma do Supremo Tribunal Federal, visão que o juiz Moro não teria sido imparcial. Isso não quer dizer também que o ex-presidente Lula foi inocentado, porque tudo a gente tem que repetir bem devagarzinho, né?”, disse a apresentadora.

Maria Beltrão ainda falou sobre o assunto na GloboNews, onde comentou que a condenação foi referendada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) e pelo STF.

Maria Beltrão desabafa e abre o jogo sobre o que pensa

A famosa, então, seguiu comentando a respeito do assunto envolvendo petista e deu a sua opinião.

“À época que Moro condenou o ex-presidente Lula tanto o TSE como o STF confirmaram de fato a condenação, depois julgaram que o foro para acompanhar aquele processo não deveria ser Curitiba, mas, sim, Brasília. Naquele momento, e depois principalmente consideraram Moro como um juiz parcial, o processo deveria começar outra vez, só que aí prescreveu o caso do tríplex. Então é bom separar as coisas: Não é porque o Moro foi considerado parcial que o ex-presidente Lula automaticamente é inocente, acabou que o processo, o julgamento, não foi recomeçado”, afirmou Maria Beltrão.

Enquanto isso, Moro declarou que a decisão do STF de anilar a condenação de Lula “influenciou indevidamente” o Comitê da ONU. Ele sentenciou que esse teria sido “um grande erro do judiciário”.

Depois de todas essas anulações, Lula segue sem nenhuma condenação criminal em qualquer instância da Justiça. Por conta disso, o ex-presidente se torna judicialmente inocente.

Enquanto isso, a jornalista da GloboNews foi detonada por suas falas nas redes sociais. Confira:

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja Também

MAIS LIDAS

Henrique Carlos
Apaixonado por televisão e cinema, desde 2009 trabalha com internet. Já passou por grandes veículos de comunicação e teve experiência no rádio. Atualmente estuda para continuar crescendo na área e pode ser acompanhado através do perfil @henriquethe2 no Twitter.
Veja mais ›