Marília Mendonça desabafa sobre maternidade: “Não preciso me anular para ser uma boa mãe”

Marília Mendonça
Marília Mendonça expõe detalhes sobre maternidade e revela maturidade em nova fase da vida (Imagem: Reprodução / Instagram) 

Aos 26 anos, Marília Mendonça está vivendo uma nova fase na vida. Mais madura, a cantora precisou a aprender ao longo das experiências sobre o peso da fama, relacionamentos e até mesmo acerca da maternidade.

Em entrevista à colunista Fábia Oliveira, a sertaneja confidenciou que por muito tempo se sentiu culpada por ter que deixar o filho em casa para poder ir trabalhar.

“Minha prioridade desde que soube da chegada do Léo passou a ser ele, mas aprendi que não preciso me anular para ser uma boa mãe. Tenho num exemplo maravilhoso de mulher e mãe em casa e isso me conforta demais. Junto com o Léo chegou muita sensação de culpa por trabalhar, por ter de viagens, enfim… por muitas coisas. Mas tenho conseguido administrar bem isso, muito por influência da minha mãe, que me dá segurança para tocar meu trabalho, porque sei que ela estará sempre perto do meu filho, como esteve perto dos filhos dela!”, contou.

Além disso, a famosa, agora, se autodenomina “dona do próprio nariz”. “Esta mudança tem nome: maturidade. Coisa que eu não tinha há alguns anos. Hoje sou uma Marília mãe, mulher e cantora. Isso me faz, sim, ser dona do meu nariz. Tenho pensado muito em empreendedorismo, até porque descobri ser uma empreendedora desde sempre, porque ao lado de pessoas competentes construí minha carreira e isso me faz empreendedora. Acho que a grande virada de chave tem a ver com todas essas descobertas”.

Esse novo ciclo na vida também impactou positivamente sua vida profissional. “Uma virada de página só é possível com mudanças. Elas não precisam ser radicais, mas pontuais e bem pensadas. Não quero jogar fora tudo que construí, só quero aprimorar. Isso inclui carreira e também reflete nas composições. Minha cabeça já não é mesma da menina de 15 anos que assinou a primeira música”.

Para não faltar atenção ao herdeiro, Marília vem contando com uma rede de apoio, principalmente da mãe.

“Eu trabalhei demais essa sensação de culpa, acabei descobrindo que eu o Léo temos de estar felizes e ter nossos momentos e isso não será medido pela quantidade de tempo que estaremos juntos, e sim pela qualidade deste tempo. Eu sair para trabalhar não me fará uma mãe pior. Ao contrário! Me fará uma mãe mais forte e meu filho vai saber que eu sempre estarei ao lado dele, mesmo que distante fisicamente em virtude do trabalho”.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›