Ministério Público cobrou multa de quase R$ 1 milhão a Wesley Safadão por vacina

Wesley Safadão
Wesley Safadão se envolveu em polêmica com vacina contra a covid-19 (Imagem: Reprodução / Instagram)

A vacina que Wesley Safadão tomou contra a Covid-19 ainda vai dar muito o que falar. Segundo informações do colunista Leo Dias, do Metrópoles, o Ministério Público do Estado do Ceará fez uma proposta quase milionária para o cantor.

Em uma postagem oficial, o órgão revelou que propôs uma prestação pecuniária de 360 salários mínimos ao cantor e o mesmo valor para sua esposa, Thyane Dantas. Além disso, 25 salários mínimos para a assessora dele, Sabrina Tavares. Ao todo, a quantia chega aos R$ 819,5 mil.

De acordo com a publicação, o Ministério Público fez o cálculo considerando parâmetros legais e as estimativas da capacidade econômico-financeira de cada um. A oferta, no entanto, não foi aceita pelos envolvidos.

Em contraproposta, os advogados ofereceram ao órgão 50 salários mínimos, o que também não foi aceito pelo Ministério Público. Em nota, o órgão declarou:

“Considerando a natureza pública da investigação, o Ministério Público não aceitou o pedido de sigilo de eventual confissão proposto pelos suspeitos. Por fim, em se tratando de acordo, e considerando que o procedimento investigatório criminal não foi encerrado, as negociações ainda podem ser realizadas”.

Em suas redes sociais, Safadão se manifestou sobre o caso. “Ontem tivemos mais um capítulo da história da vacina. Tivemos uma reunião ontem pela manhã, com o Ministério público e infelizmente não chegamos à um acordo por dois motivos: 1- Queriam que eu me declarasse culpado; 2-Queriam que eu pagasse uma quantia equivalente a quase um milhão de reais, sendo que para um cidadão comum é infinitamente menos o valor. O que saiu na imprensa é que quando eu soube que esse valor seria para a doação para instituições, eu me neguei porque eu não queria fazer doação, Isso é mentira. Um grande absurdo“, escreveu.

O cantor deixou claro que não furou a fila e disse que foi mal orientado apenas. “Quero deixar bem claro, que em nenhum momento furei fila, apenas tomei a vacina em outro lugar porque me orientaram dessa maneira, devido a lotação do meu lugar de origem”, comentou.

“Sempre fui muito transparente com meu público, até demais! Se eu achasse que estava fazendo algo errado, ou cometendo um crime, vocês acham mesmo que eu publicaria (no Instagram)? Claro, que fico muito triste com tudo isso, sei que errei, quem me conhece sabe meu coração e volto a dizer: Jamais faria algo assim se soubesse que era errado”, disse ele.

O artista também pediu desculpas: “Peço perdão à população da minha cidade, do meu país, hoje realmente vi que fui mal assessorado sobre me vacinar em outro local, me disseram que não tinha nenhum problema essa mudança e eu acreditei. Realmente fui mal orientado. Sei que errei e quero ser tratado como um cidadão e não da forma como estão querendo me tratar”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›