Petrônio Gontijo como Edir Macedo
Petrônio Gontijo como Edir Macedo em “Nada a Perder 2” (Imagem: Divulgação / Paris Filmes)

Em cartaz nos cinemas desde a última quinta-feira (15), “Nada a Perder 2”, filme que reconta partes importantes da vida do bispo Edir Macedo, a partir de episódios polêmicos da década de 1990 até os anos 2000, com a inauguração do templo de Salomão, em Soweto, na África do Sul, foi lançado com status de blockbuster Hollywoodiano. 

Apenas na Grande São Paulo, o longa conseguiu estrear com 145 salas, número abaixo do anterior, que chegou em 167. Levando em consideração os números em todo o Brasil, o filme é visto como uma promessa e está em 835 salas ao todo, fruto do número estrondoso de ingressos vendidos na pré-venda. Porém, assim como na primeira parte, que teve 12 milhões de ingressos vendidos antes da estreia, as sessões têm ficado vazias, de acordo com o jornal O Globo. 

O repórter Luis Carlos Merten foi no dia da estreia da produção até um cinema do centro paulistano, e encontrou poucas pessoas na sala. A baixa procura continuou no sábado à tarde, quando na sala que conferiu o filme havia apenas mais três pessoas, mesmo com a lotação praticamente esgotada, sendo esses, os únicos ingressos vendidos. 

Boa parte destes ingressos vendidos antes da chegada do filme aos cinemas foram comercializados em lotes, ou seja, apenas uma pessoa comprou as entradas para provavelmente distribui-las depois. A mesma estratégia foi utilizada na versão cinematográfica da novela “Os Dez Mandamentos”.

🔔Boletim RD1 | Notícias dos Famosos