Nathalia Dill abre o coração e fala sobre inseguranças na maternidade

Nathalia Dill
Nathalia Dill é mãe de Eva, de seis meses (Imagem: Reprodução / Instagram) 

Mãe de Eva, Nathalia Dill tenta, há seis meses, idade da filha, aprender a lidar com uma nova fase, cheia de mudanças e novos sentimentos.

Em entrevista à revista Caras, a atriz contou: “Costumo dizer que desde que a Eva nasceu, minha vida é um misto de êxtase e de paranoia. E olha que nunca fui uma pessoa preocupada”.

“O dia a dia não é fácil, são muitas coisas para conciliar, mas ao mesmo tempo isso tudo vale a pena. É realmente um sentimento que me preenche de maneira muito especial”, afirmou.

Por tudo isso, Nathalia confessou que vive momentos com inseguranças. No entanto, são em momentos como esse que ela consegue tirar aprendizados para a vida. “Claro que sinto insegurança. Volta e meia me pergunto se estou fazendo certo ou não. Não tem jeito”, pontuou.

“Com a chegada da Eva aprendi a me acolher, mesmo que as coisas não saiam do jeito que planejo. Busco ficar consciente de que faço o melhor que posso, estou sendo a melhor mãe que posso. Isso é o mais importante”, completou.

Essa não é a primeira vez que a Nathalia Dill falou sobre os desafios da maternidade. Em conversa com jornal O Globo, a famosa desabafou: “Vou ser sincera, um dos maiores desafios do puerpério é o sono. Para mim, você não conseguir ter um descanso completo para estar 100% no dia seguinte é muito difícil”.

“Parece bobagem, mas quando você não está descansado, tudo começa a falhar. Tive muita dificuldade no início porque vinha da gravidez, que o corpo já estava diferente. Depois tem o parto, em que você gasta uma quantidade de energia. Já entra a amamentação, que é uma nova caminhada e que não é tão fácil assim”, detalhou.

“São mil coisas que você tem que pensar sem dormir direito… Tive uma dor de cabeça que ela permaneceu por dez dias. Uma coisa foi alimentando a outra: eu não descansava, o que me dava dor de cabeça; e a dor de cabeça não me deixava dormir. Foi virando uma bola de neve. Tomava o remédio e não passava. Só resolveu quando fez uma sessão de acupuntura que destravou o meu pescoço, porque ainda tinha travado o pescoço de tensão”, contou a global.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›