Nos Tempos do Imperador: Samuel recebe proposta para deixar a prisão e fica em dúvida

Samuel
Samuel será condenado e, na cadeia, recebe proposta (Imagem: Reprodução / Globo)

Após ser condenado à prisão perpétua, Samuel (Michel Gomes) recebe uma proposta para ficar livre novamente nos próximos capítulos de Nos Tempos do Imperador.

Segundo informações da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, isso acontece quando o jovem recebe a visita de Caxias (Jackson Antunes) na cadeia.

Na ocasião, o militar afirma que será o novo comandante das tropas brasileiras na Guerra do Paraguai. “Você aceitaria me acompanhar nessa missão?“, questiona.

Samuel se mostra surpreso: “Eu, na guerra?! Como? Estou preso“. “Os condenados podem ser recrutados para irem à guerra, Samuel. Você tem interesse?”, pergunta o militar.

O engenheiro fica em dúvida e revela que ainda tem trauma do período em que esteve no campo de batalha. Caxias, no entanto, explica que ele vai para trabalhar com sua profissão e ajudar a melhorar a estrutura da tropa.

Samuel, então, responde: “O senhor me pegou de surpresa, eu não esperava. Fico agradecido pela lembrança”.

Agradeça ao Imperador, Samuel. Ele teve essa ideia, e eu gostei muito porque sei de sua competência. Mas entendo a dúvida de aceitar ou não. Você quer um tempo para pensar?”, finaliza Caxias.

Samuel toma decisão drástica

Logo após ser julgado, o rapaz recebe a visita de Pilar (Gabriela Medvedovski) no presídio e a médica revela que tem uma ideia. “Vamos nos casar. Aqui!”, sugere a jovem. “O quê? Não, Pilar, não tem cabimento!“, afirma. Pilar, então, diz que já soube do que é necessário para realizar a cerimônia, mas Samuel discorda.

“Não! Te amo demais para te querer presa a um condenado para o resto da vida!”, justifica o engenheiro. “O que você quer dizer com isso?”, questiona a jovem.

Sem hesitar, Samuel dispara: “Estou te libertando! A nossa história termina aqui. Não venha mais me visitar. Nunca mais”. Pilar, claro, fica chocada com a revelação do companheiro.

Luísa também sofre em Nos Tempos do Imperador

A prisão de Samuel pode sobrar também para Luísa (Mariana Ximenes). A condessa vai ficar na mira da polícia por causa do rapaz. Tonico (Alexandre Nero) conta toda verdade sobre ele durante a cerimônia de casamento e o engenheiro acaba preso. Com isso, a moça acaba sendo suspeita de tê-lo ajudado a mudar de identidade.

Luísa, então, é intimada a ir até a delegacia para ser interrogada por Borges (Danilo Dal Farra), que a questiona:

“O senhor Tonico Rocha, daqui para frente denominado testemunha, alega ter visto, na ocasião do assassinato do coronel Ambrósio, Samuel dos Anjos, cujo nome verdadeiro é Jorge da Silva, com a senhora, na sua carruagem, em direção ao Rio de Janeiro. A senhora confirma?”.

“Sim, confirmo“, responde ela. O delegado continua: “Naquele momento, a senhora apresentou uma carta de alforria dizendo que Samuel era um antigo escravo alforriado por seu pai”.

Mais uma vez, Luísa confirma a informação. É neste momento que ela é colocada contra a parede. “Ocorre que o acusado não se chama Samuel dos Anjos, e sim da Silva. Essa carta, portanto, é falsa. A pergunta é: quem falsificou essa carta de alforria? Foi a senhora?”, pergunta ele, deixando a moça tensa.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›