Paolla Oliveira rasga o verbo sobre manifestação política nas redes sociais

Paolla Oliveira
Paolla Oliveira abriu o jogo sobre decisão de manifestação política nas redes sociais (Imagem: Reprodução / Globo)

Paolla Oliveira abriu o jogo sobre a sua mudança de postura nas redes sociais nos últimos tempos. Em entrevista ao Conversa com Bial, da Globo, desta sexta-feira (17), a famosa explicou o motivo pelo qual antes não gostava de se expor e agora utiliza seus canais próprios como uma plataforma de expressão.

No último feriado do dia 7 de Setembro, por exemplo, a atriz se manifestou sobre os acontecimentos políticos para usufruir da liberdade de estar em uma rede social que é dela, sem medo de perder seguidores.

“Eu não gostava de rede social, tinha um problema enorme, briguei com todo mundo. Mas chegou um dado momento em que tive que fazer isso. Eu entrei no trem-fantasma e falei: vamos ver quem assusta mais”, começou a atriz.

Paolla Oliveira seguiu: “Eu vim conquistando essa liberdade. Chegou um momento em que falei que eu tava escrava. (…) O espaço pra errar é tão pouco. Mas quem foi que falou que eu não posso? E aí que entra o 7 de de setembro. Eu senti necessidade. De me colocar como mulher e ter opinião”.

A diva ainda defendeu que política pode e deve ser discutida, mesmo que ela mesmo não o faça muito em sua vida.

“Acho que as nossas ideias, se colocadas sim de maneira correta, podem modificar o outro, fazer ele pensar. Tem que ser falado. E eu mesmo vi mudanças próximo a mim, então eu procuro fazer isso. Não acho que seja nas redes sociais esse lugar onde a gente debata com esse veemência”, desabafou a famosa, ressaltando que acredita que o debate possa ser saudável

Paolla completou: “O que mais gosto do meu trabalho é ser real. A sensibilidade, a conexão com as pessoas. Então nada mais justo do que eu me mostrar essa pessoa, me conectar cada vez”.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›