Paula Burlamaqui abre o jogo sobre Verdades Secretas 2 e prazer feminino

Paula Burlamaqui
Paula Burlamaqui contou sobre presença no folhetim (Imagem: Sergio Baia)

Intérprete de Aline em Verdades Secretas 2, Paula Burlamaqui abriu o jogo ao falar sobre a trama. Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, a atriz comentou sobre a cena em que sua personagem tem orgasmos múltiplos:

“Essa cena despertou uma série de debates. Recebi muitos telefonemas para comentar sexualidade e prazer feminino. Acho muito importante a gente naturalizar essa questão. Ainda existem muitas mulheres que reprimem seus desejos”.

“Eu tenho amigas, por exemplo, que não se masturbam. Eu acho isso uma loucura. O homem sempre se masturbou e a mulher, não. É importante falar sobre isso, porque muitas não fazem por se sentirem reprimidas“, contou.

Veja Também

No folhetim, que está disponível no Globoplay, a personagem de Paula vive um romance com o ex-namorado de sua filha, Kiara (Rhay Polster), o DJ Mark (Kelner Macêdo). Ao falar da situação, a artista contou que essa foi a terceira vez que precisou se envolver com um rapaz mais jovem em novelas.

“Estou ficando especialista no assunto (risos). Eu acho ótimo. O meu marido mesmo tem uma diferença de 12 anos para mim. Tem homem que não tem paciência para mocinha e prefere mulheres mais maduras. Graças a Deus”, revelou.

Por falar no relacionamento, o qual está há quatro anos, Burlamaqui contou que eles se dão bem quando precisam trabalhar juntos.

“Quando o companheiro não é da área, muitas vezes não consegue entender e lidar bem com cenas mais ousadas. Imagina se eu fosse eu casada com outro marido e ele me visse fazendo sexo no banheiro com outro homem? Já passei pela situação de estar com alguém e ter problemas neste sentido”, explicou.

Paula abre o jogo sobre momento delicado

Durante o folhetim, a famosa enfrentou um problema de saúde e confessou à publicação que ainda está se recuperando:

“Duas hérnias minhas estouraram já em meio às gravações. Tive que fazer bloqueios na coluna com analgésicos para conseguir gravar e sigo fazendo fisioterapia. Eu não quero ter que operar, então, estou tentando resolver desta forma”.

“Mas, se não tiver jeito, aí farei a cirurgia. Creio que tive esse problema por conta do meu histórico de exercícios pesados durante toda a vida. Nos últimos anos, eu passei a moderar, porque nada em excesso é bom. Mas, durante muito tempo, exagerei”, completou.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›