Paulo Vieira acusa rede social de censura e revolta famosos com denúncia impactante

Paulo Vieira
Paulo Vieira acusa rede social de censura e revolta famosos com denúncia impactante (Imagem: Reprodução / Instagram)

Paulo Vieira tem aproximadamente 762 mil seguidores em seu perfil do Instagram e usa ele como plataforma para divulgar seu trabalho, conectar-se com os fãs e também para se engajar em causas políticas e sociais. O famoso foi censurado por causa desse último item e fez uma denúncia séria.

O humorista começou compartilhando o print em que a rede social tira uma live dele do ar, por discurso de ódio e símbolo, com a seguinte justificativa: “Mesmo que a sua intenção não tenha sido ofender, nossas diretrizes incentivam as pessoas a se expressar de maneiras que sejam respeitosas para todos”.

Na legenda do post, Paulo ficou contrariado com a atitude tomada pela equipe que cuida disso no Instagram: “Você precisa melhorar! Esses dias vocês derrubaram minha live por estar falando de racismo, agora tiram minha publicação do ar por ser um posicionamento político? Só tem lugar pra bunda e dancinha nessa m3rda? PQP, vai se f#der”.

Além disso, o artista filmou pessoas que não o seguem buscando seu nome na busca da rede social e acusou o site de invisibilizá-lo, dificultando que ele alcance mais pessoas:

Eu já disse aqui para vocês que a entrega dos meus posts tá bizarra. E não é só o algoritmo não, viu?! Para vocês terem uma noção, quanto uma conta que não me segue pesquisa por Paulo Vieira, o Instagram simplesmente não mostra meu perfil. Eu sempre me perguntando porque será que eu nunca ganho seguidores. Tá aí a resposta. Com o Insta me invisibilizando, fica difícil”.

Fernanda Lima ficou indignada com a novidade: “Palhaçada”. Rafael Zulu, que é negro, se revoltou: “Bunda, dancinhas e fake news eles amam”. A também humorista Renata Castro complementou: “Que absurdo”.

O ator André Bankoff mostrou seu repúdio: “Essa merda é bunda e dancinha! De repente precisamos nos posicionar mostrando a bunda dançando… quem sabe eles deixam passar!? Vou tentar”. O autor Adalberto Neto alfinetou DJ Ivis, que agrediu a mulher: “Enquanto isso, um certo DJ já ganhou cem mil seguidores, porque… Agrediu a mulher! Tinha que ter a conta derrubada. Mas o Instagram não tá pronto pra essa conversa”.

Confira:

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›