Pedro Bial solta o verbo a favor da imprensa e contra apoiadores de Bolsonaro

Pedro Bial
Pedro Bial comentou sobre o atual momento político (Imagem: Divulgação / Globo)

Pedro Bial participou do Papo de Segunda, do GNT, nesta segunda-feira (01), e soltou o verbo sobre os ataques contra a imprensa brasileira através dos apoiadores de Jair Bolsonaro (sem partido).

O apresentador da Globo afirmou que vivemos em uma época de “violência anárquica”. “Continuo muito preocupado com a segurança física dos repórteres e profissionais da imprensa brasileira, seja onde estejam, porque o nível de agressividade estimulado pelas autoridades e pelo presidente está muito fora de controle”, disse.

“Aquilo não podia continuar, porque além de dar palco para o presidente se exibir para a sua claque que ficava ali do lado, era perigoso, instável e criava uma situação ameaçadora [para os jornalistas]”, acrescentou o famoso.

Pedro Bial lembrou, inclusive, do período da ditadura militar e comparou com a época em que vivemos hoje: “Na ditadura havia um mínimo de organização. O jornalista podia não apanhar, ele ia preso, torturado ou morto. Mas, havia agentes do estado, ou agentes de um estado paralelo, que faziam esse trabalho sujo”.

“Agora não, é uma violência anárquica, e há uma liderança, sem dúvida, simbólica e inspiradora que é o presidente“, disparou o jornalista.

Bial finalizou sobre o assunto: “Estamos longe de definir o governo atual como uma ditadura. Ainda vivemos em uma democracia, mas com evidentes desejos de solapar essa democracia por parte de algumas autoridades, e mesmo isso é confuso e não tem uma clareza. Onde as coisas não estão visíveis, tudo fica mais tenso e mais perigoso”.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

ALERTAS GRATUITOS