Programa da Maisa, inédito e com Caio Castro, perde para a Record

Programa da Maisa
Maisa Silva à frente do Programa da Maisa do último sábado (21); atração perde para a Record (Imagem: Reprodução / SBT)

O Programa da Maisa deu início à temporada 2020 neste sábado (21) com derrota para a Record na audiência. A atração deixou o SBT atrás da principal concorrente, mesmo recebendo dois convidados de peso: Caio Castro e Naiara Azevedo. O canal se deu bem, conforme dados aferidos na Grande São Paulo, com atrações voltadas para o público infanto-juvenil, além do Topa ou Não Topa com Patricia Abravanel.

Foram 6,5 pontos para o Programa da Maisa, que enfrentou o Balanço Geral SP e o Cine Aventura – apresentando o longa-metragem Identidade Especial (2013). O jornalístico, no ar das 13h03 às 15h01, fechou com 6,4 de média, recorde do ano; a sessão de filmes, entre 15h01 e 16h56, anotou 7,3 pontos, também o melhor número deste 2020.

Antes da atração de Maisa Silva, vice-liderança para o clássico Chaves, com 3,7 pontos, 5,4 de pico e 19,2% de participação no número de televisores ligados (share), das 6h às 8h. O Sábado Animado atingiu 7,6 pontos, 9 de pico e 16% de share, entre 10h30 e 12h32. A série Sam & Cat alcançou 7,5 pontos, 8,3 de pico e 14% de share, das 12h33 às 14h25.

Após o Programa Raul Gil (5,9) e o SBT Brasil (5,9), ambos na terceira colocação, o Topa ou Não Topa registrou 7,4 pontos, 9 de pico e 10% de share, entre 20h39 e 21h37. Em seguida, 6,7 pontos, 8,5 de pico e 9,2% de share, das 21h37 às 22h44, do Esquadrão da Moda. E 8,3 pontos, 10 de pico e 13,2% de share, entre 22h44 e 0h12, com Júnior Bake Off Brasil.

O sábado no SBT contou também com o Vale a Pena Ver The Noite – 5,1 pontos, 7,4 de pico e 11,3% de share, de 0h12 à 1h23 – e a série Sobrenatural – 2,4 pontos, 4,7 de pico e 12% de share, entre 1h23 e 5h42.

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox