Rainer Cadete revela perda de peso para Verdades Secretas 2 e fala sobre cenas quentes

Rainer Cadete
Rainer Cadete vive o Visky em Verdades Secretas (Imagem: Reprodução / Instagram)

Sucesso como o Visky, de Verdades Secretas, Rainer Cadete não precisou só pintar o cabelo para dar vida outra vez ao personagem. Em conversa com a Vogue, o ator contou que precisou emagrecer bastante.

“Fui um comilão na pandemia. Aprendi a fazer pão, fazia todo dia [risos] e comia. Emagreci em torno de 15 kg. Mas agora engordei cerca de 5 kg. É um trabalho acompanhado por muitos profissionais, como nutrólogo, nutricionista, personal trainer. Com muita disciplina eu consegui os resultados que queria e fiquei bem feliz com esse novo corpo do Visky”, contou o famoso.

Sobre as tão faladas cenas de sexo da trama, o global pontuou: “O fogo no parquinho está maior, as cenas estão mais quentes, tem mais erotismo, e é tudo feito com uma co-direção. A Amora Mautner trouxe essa liberdade para a gente opinar e fazer a cena até onde a gente se sente à vontade. A gente pode estabelecer onde é o limite. E isso tudo deixa mais interessante”.

“A gente co-dirige com os diretores. Não fico envergonhado. Não tenho pudores, acho que o sexo faz parte da vida, ele conta história também. Acho legal fazer parte de um produto que conta a história por meio do sexo, porque ele é natural. Todos nós saímos de um ato sexual, então, não tem porque termos esse tabu”, declarou Rainer.

“Finalmente chegou um produto no Brasil que fala sobre isso de maneira elegante e com todo o cuidado necessário”, completou o ator, que explicou a preparação para as sequências calientes: “A gente faz exames diariamente, usa máscaras, higieniza, coloca tapa sexo, tudo da forma mais cuidadosa possível”.

Na conversa, Rainer Cadete ainda falou sobre a evolução no mercado para colocar cenas quentes entre dois homens, já que até pouco tempo atrás, apenas beijos eram muitos julgados. “Acho que o conservadorismo é um desserviço à sociedade. Esse conservadorismo na política, que saiu do esgoto, tem que voltar para lá”, afirmou.

“Participar de um produto como Verdades Secretas 2 é se posicionar, também, politicamente e lutar por dias melhores. Acho bacana colocar minha arte à disposição para isso. Como artista, encaro essa dicotomia como faço na minha vida pessoal. A gente precisa de mais liberdade, precisa naturalizar o amor entre pessoas do mesmo sexo, de sexo diferentes, entender que as pessoas têm o direito de amar do jeito que quiserem, e a gente não tem o direito de se intrometer”, disse o global, que concluiu:

“Que legal que finalmente chegou esse momento em que o sexo entre dois homens ou duas mulheres é naturalizado, porque essa forma de amor também vale. Toda forma de amor vale”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›