Ratinho chama Rachel Sheherazade de ingrata por processar SBT e é preconceituoso ao falar da Paraíba

Ratinho
Ratinho defende Silvio Santos e detona Rachel Sheherazade (Imagem: Reprodução – SBT / Montagem – RD1)

Ratinho mais uma vez causou polêmica em sua rádio. O apresentador criticou sem meias palavras a ex-colega Rachel Sheherazade, que processa o SBT e expõe os bastidores da sua relação com a diretoria da emissora ao longo dos 9 anos em que esteve como contratada.

Dono da Rede Massa, afiliada do canal paulista no Sul do país, disse que Sheherazade foi ingrata e que Silvio Santos a “tirou da escuridão onde estava”, referindo-se à vida na Paraíba, onde comandava um telejornal na TV Tambaú, afiliada do SBT.

“É lamentável que a gente tenha que ver isso, né. Desculpa aí, a Rachel, mas pelo amor de Deus. Você estava lá na Paraíba, escondida, fez um comentário sobre o Carnaval. O Silvio Santos gostou do comentário, tirou você aí da escuridão onde você estava, trouxe você pra São Paulo, pagou salário altíssimo”, detonou.

“Pelo menos, no mínimo, cinquenta vezes mais do que você ganhava aí na Paraíba. E de repente você, numa ingratidão enorme, faz uma coisa dessa. Muito feio para você, Sheherazade”, atacou Ratinho.

O comentário feito por Ratinho ocorreu na segunda-feira (19), mas viralizou apenas ontem, sexta-feira (24). “Eu acho que o pior defeito e o único que mostra mau-caratismo é a ingratidão. E lamentavelmente você está sendo uma ingrata”, disparou.

Polêmico, Ratinho concluiu com um recado claro envolvendo uma possível briga entre os dois por causa de seu comentário ácido. “Saiu da Paraíba, veio morar em Alphaville por conta do SBT. O Silvio Santos cuidou de você todo esse tempo. E de repente, ele resolve mudar, você resolve processar. Que ingratidão. Você é uma ingrata, Sheherazade. E se quiser brigar comigo, venha. Aqui a briga é boa”, avisou.

Rachel Sheherazade está movendo um processo contra o SBT e os valores apontam para um valor de R$ 19 milhões. Ao todo, a ação poderia chegar à bagatela de R$ 30 milhões em direitos trabalhistas. O processo corre na 3ª Vara do Trabalho de Osasco, região onde está localizada a sede do SBT.

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›