Record aposta na Bíblia até em série sobre digital influencer

Record
Adriana Garambone como Sara, em Gênesis; atriz volta à tela da Record em Todas as Garotas em Mim, série contemporânea pautada pela Bíblia (Imagem: Divulgação / Record)

A Record vai pautar Todas as Garotas em Mim, série com estreia prevista para maio, às 21h45, pela Bíblia. A emissora pretende mostrar que “os tempos mudaram, mas as garotas não!”, buscando no Livro Sagrado as soluções para os dilemas da influencer digital Mirella (Mharessa Fernanda) nas leituras e interpretações de sua avó, Isis (Adriana Garambone).

Em plano distribuído para o mercado publicitário, a emissora adianta a proposta da trama assinada por Stephanie Ribeiro, com direção de Rudi Lagemann: “mostrar como, em diferentes fases da vida de uma garota atual, ela pode se ver como ou na mesma situação das garotas bíblicas”.

Filha de Heloísa (Rhaisa Batista) e Júlio (Ângelo Paes Leme) – ela, bem-sucedida no trabalho; ele, sempre desempregado –, Mirella namora o garoto mais popular do colégio, Gustavo (Caio Vegatti). Os conflitos do casal são partilhados com o melhor amigo, Erick (Diego Kropotoff), apaixonado por ela desde a infância.

Todas as Garotas em Mim terá, a princípio, 38 episódios. As gravações ocorrem em Florianópolis, capital de Santa Catarina, e Gramado, cidade turística do Rio Grande do Sul. Há previsão de cenas em cruzeiros marítimos; a temporada brasileira, porém, está interrompida desde o surto de Covid-19 em embarcações, após a virada do ano.

Cara e Coragem ganha reforços

Responsável por Dona Céu, carrasca de Maria da Paz (Juliana Paes) em A Dona do Pedaço (2019), Dja Marthins volta ao vídeo em Cara e Coragem, próxima novela das 19h. Anselmo Vasconcellos, de passagem recente pela Record – ele gravou participação na inédita Reis – também integra o elenco do folhetim escrito por Claudia Souto, com direção artística de Natália Grimberg.

Aliás…

Diogo Savala, filho de Elizabeth Savala, é outro nome do time Cara e Coragem. O folhetim, com estreia agendada pela Globo para maio, terá ainda Stella Maria Rodrigues, estrela de espetáculos musicais, sempre lembrada por Zilá, a empregada de Branca Letícia de Barros Mota (Susana Vieira) em Por Amor (1997), clássico de Manoel Carlos.

A bola tá com elas!

Destaque de audiência na temporada 2021, o Brasileirão de Futebol Feminino volta à tela da Band em março. Serão 20 jogos até setembro, sempre capitaneados por mulheres: Isabelly Morais na narração, Alline Calandrini e Milene Domingues nos comentários e Yara Fantoni na reportagem. A transmissão inclui ainda boletins no Bora Brasil e no Jogo Aberto e podcasts para o Spotify e o YouTube.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Duh SeccoDuh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog Vivo no Viva, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.