Record é criticada ao abordar identidade de gênero de forma polêmica

Record
Carolina Ferraz no comando do Domingo Espetacular; programa tem sido criticado nas redes sociais (Imagem: Reprodução / Record)

O Domingo Espetacular, da Record, de ontem (22), causou polêmica nas redes sociais após exibir uma reportagem sobre intitulada “Ideologia de Gênero nas escolas”.

Muitos internautas perceberam que haviam equívocos na forma como a matéria foi conduzida, inclusive ao chamar de “ideologia”, quando a expressão correta é “identidade”.

O termo “ideologia de gênero”, cabe lembrar, surgiu pela primeira vez em uma encíclica do Vaticano que trazia uma série de livros que visavam “destruir a família tradicional”. Por isso, ele tem sido adotado pelos setores conservadores.

A reportagem se baseia em conteúdo que é identificado como de valores morais e não em ciência, mas faz crítica. A repórter, logo no começo da matéria, fala: “Como próprio nome diz, trata-se de ideias, não é ciência”.

O conceito de gênero foi criado pelo sexólogo John Money, em 1955, para introduzir a distinção biológica entre os corpos. O sistema feito por Money é chamado de binarismo de gênero (masculino e feminino).

O Domingo Espetacular utilizou o tema polêmico para falar sobre a informação de que crianças a partir dos 4 anos da Escócia poderão escolher um gênero diferente na escola, sem o consentimento de seus pais. Segundo a matéria, a decisão foi tomada de acordo com as novas diretrizes de inclusão LGBTQIA+.

Num dos momentos, o programa da Record afirma que sexualidade só deve ser discutida em casa e com os pais, mas não ouve qualquer entrevistado para fazer um contraponto na ideia.

No Twitter, a emissora foi chamada de parcial e criticada. “Que matéria sem necessidade e sem eficácia nenhuma, sobre ideologia de gênero”, criticou um internauta.

“#DomingoEspetacular passando uma reportagem altamente tendenciosa sobre o ensino de ‘ideologia de gênero’ nas escolas (algo que nunca existiu, aliás)… alguém tem dúvida sobre qual o objetivo da @recordtvoficial”, afirmou outro.

Confira a repercussão:

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›