Salve-se Quem Puder: As maldades de Dominique e Renzo

Salve-se Quem Puder
Guilhermina Guinle e Rafael Cardoso interpretam os vilões Dominique e Renzo em Salve-se Quem Puder (Imagem: João Miguel Júnior / Globo)

Escrita por Daniel Ortiz, Salve-se Quem Puder, nova novela das 19h da Globo, com estreia nesta segunda-feira (27), promete trazer novamente o status de comédia pastelão que consagrou o horário, mas sem perder as características de drama que compõem um novelão. Na trama, os postos de vilões cabem aos personagens Dominique (Guilhermina Guinle) e Renzo (Rafael Cardoso).

Advogada de sucesso, acostumada a dar ordens e nunca ser contrariada, Dominique tem uma fortuna de origem suspeita. O seu trabalho, como muitos supõem, é apenas “de fachada”.

Ela integra uma organização criminosa internacional que protege os interesses de empresários e políticos corruptos e quer fazer do sobrinho Renzo o seu sucessor. Ele, porém, não está certo de que seguir os passos da tia é o melhor negócio. O rapaz começa a repensar a vida depois de presenciar, em Cancún, as ações da tia – que tem como missão eliminar o juiz Vitório (Aílton Graça).

Criado pela ricaça desde criança, o playboy estudou nas melhores escolas, frequenta festas incríveis e viaja o mundo. Ainda que não aprove o trabalho da tia, não consegue se desvencilhar do destino traçado por ela. 

Em Cancún, Renzo conhece Alexia (Deborah Secco) e tem uma única noite de amor com a atriz. Esse encontro mudará sua vida. De volta ao Brasil, ele se aconselha com Lúcia (Cristina Pereira), empregada da casa de Dominique há décadas, por quem ele tem grande carinho. Ela não mede esforços para protegê-lo. Os conflitos com a patroa são constantes, mas a empregada é uma das poucas que não tem medo de enfrentá-la.

WordPress Lightbox