Sergio Guizé revela música que fez para Bianca Bin

Sergio Guizé
Sergio Guizé presenteou Bianca Bin com single (Imagem: Reprodução / Instagram)

Prestes a lançar seu primeiro álbum solo, Sergio Guizé revelou que Bianca Bin foi sua grande inspiração. Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, o ator abriu o coração e contou:

“O primeiro poema que escrevi para a Bianca foi ‘A primeira vez que segurei sua mão’. É um recorte poético de algo que parece simples, mas que tem uma força. Eu me lembro bem, estava ali no Itanhangá (na Zona Oeste do Rio). Esse poema inspirou uma música. E tem uma outra que eu fiz com ela, ‘Um pouco mais de mim’. Eu escrevi e ela me ajudou a finalizar a letra”.

“Ela dá apoio na parte burocrática também. Esse disco é como um agradecimento. Tenho amigos que se foram sozinhos. Saber que tenho uma companheira ponta firme, que está ali na alegria e na tristeza, é muito especial. Fico cada vez mais grato e apaixonado”, confessou.

Sobre o processo criativo do disco, Sergio explicou: “Quando começou a pandemia, eu pensei nos amigos do teatro. Fui ligando, mandando mensagem para cada um, perguntando como estavam. Mário Bortolotto, que dirige a peça que vou fazer, ‘O homem que matou Liberty Valance’, disse: ‘Segurando firme o leme para não ficar à deriva’. Aí fiz a música ‘À deriva’ e comecei a escrever em cima do tema. Fiz mais três em parcerias. Tem também uma versão do Cartola, outra, do Belchior. São dez músicas“.

No ar na segunda temporada de Verdades Secretas, onde interpreta Ariel, Guizé deu um spoiler do que o público pode esperar do seu personagem. Em entrevista ao Gshow, o ator falou sobre a sede de vingança que o empresário vai ficar ao descobrir que Blanche (Maria de Medeiros) está levando sua esposa Laila (Erika Januza) para um caminho perigoso com uso de remédios para emagrecer:

“O Ariel é cheio de possibilidades, tem muitas facetas. Ele é muito apaixonado pela esposa, mas também é muito ambicioso e se deixa levar por essa ambição. Ele acaba negligenciando a própria família e o amor da sua vida. A partir disso, ele vira outra pessoa, sedenta por vingança”.

Para Guizé, as sequências com Erika foram difíceis, já que mostram momentos delicados da personagem dela – a atriz precisou perder quase dez quilos para o papel. “Demorei um pouquinho para poder limpar isso. Tem atuação que toca tanto que você vai buscar num lugar muito difícil. É uma trama muito difícil, triste“, disse à Patrícia Kogut, do jornal O Globo, completando:

“Um casal jovem com uma grande possibilidade que, por conta de escolhas erradas, vive uma grande tragédia. A gente conseguiu chegar a lugares que eu pensei que não pudesse chegar, de dor, de culpa. Porque o personagem lida muito com a culpa”.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›