Show do Milhão pode ganhar versão especial no Teleton e no fim de ano do SBT

Show do Milhão
Show do Milhão pode ganhar versão especial no Teleton e no fim de ano do SBT (Imagem: Lourival Ribeiro / SBT)

Sob o comando de Celso Portiolli e direção de Fabiano Wicher, o SBT estreia nesta sexta-feira (03), às 23h15, a nova temporada do Show do Milhão, que terá 13 episódios.

O game-show de perguntas e respostas seguirá as mesmas regras do clássico apresentado por Silvio Santos, onde o participante conta com a ajuda de três pulos, cartas, placas e universitários para responder as dezesseis perguntas no caminho do prêmio máximo de R$ 1 milhão.

Em entrevista ao RD1, Fabiano Wicher comentou sobre a possibilidade de haver um programa especial com artistas, dentro do Teleton, ou na programação de final de ano da emissora.

A curiosidade se deu após o SBT apresentar especiais do Show do Milhão com artistas respondendo as perguntas em busca do prêmio milionário. O especial, veiculado dentro do Programa Silvio Santos, gerou uma série de comentários nas redes sociais e o RD1 quis saber da direção da atração o que era possível fazer com o formato.

“Existe essa possibilidade, tanto no Teleton quanto no último programa da temporada”, explicou Fabiano.

Insegurança até a estreia

Celso Portiolli não escondeu a alegria por fazer parte do projeto e revelou que é uma das maiores missões da sua carreira, bem como um grande presente de Silvio Santos.

“É pura emoção e me sinto muito honrado. Acho que pra mim é um coroamento. Em 25 anos de SBT, apresentar o Show do Milhão é um presentão. Motivo de felicidade e orgulho. Minha primeira palavra do programa foi agradecimento. É um troféu, é como se eu estivesse ganhado um Troféu Imprensa”, contou.

O apresentador ainda revelou que tem medo de “perder” o posto para Silvio Santos. “Na minha história no SBT eu já fiz piloto da versão nova do Qual é a Música? e eu não apresentei. Eu fiz uns pilotos de programas que não apresentei, e eu tive notícia de programas que eu faria, mas que acabaram caindo no esquecimento. O Curtindo uma Viagem (2001-2002), que foi primeiro lugar [de audiência], foi um grande sucesso criado por mim e pelo Silvio, eu fiz 13 pilotos e nenhum deles ia pro ar”, relembrou Celso.

Portiolli disse ter ficado sem reação ao saber que foi escalado para a apresentação do Show do Milhão desde o telefonema de Fernando Pelégio, diretor artístico do SBT.

“Falei: ‘Pirou? Tem certeza que você tá me falando? O Silvio Santos está sabendo disso?’. E mesmo assim, depois que desliguei o telefone, eu falei: ‘Acho que o Pelégio não tá bem, não deve ser verdade’. Depois a Maira do departamento comercial me ligou, foram longas conversas. Eu fazia algumas perguntas, mas fiquei na duvida. ‘Será que vai mesmo?'”, confidenciou.

Vem aí! pic.twitter.com/AzS6Z50QfP

Reuber Diirr
Reuber Diirr é formado em jornalismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Com passagens pela Record News ES e TV Gazeta (Globo/ES), acompanha as coletivas de imprensa com matérias exclusivas. Além disso, produz conteúdo multimídia para o Instagram, Twitter, Facebook e Youtube do RD1. Acompanhe os eventos com famosos clique aqui!
Veja mais ›