Susana Werner relembra época em que abandonou a carreira por causa do marido

Susana Werner
Susana Werner diz que ganhava mais do que o marido quando abandonou carreira por ele (Imagem: Divulgação . Instagram)

Quase 20 anos se passaram desde que Susana Werner decidiu abrir mão da sua bem sucedida carreira na televisão para acompanhar o marido, o ex-goleiro Júlio César, no sonho de ser jogador de futebol. Hoje, ela que atuou em Malhação, atualmente no ar no Viva, e chegou a apresentar programas esportivos no SporTV antes de namorá-lo, faz o balanço da decisão.

Imagina se eu tivesse me colocado para baixo porque eu deixei de ser a Susana Werner quando eu conheci o Júlio para viver o sonho dele de ser jogador de futebol. Eu larguei dois contratos na Globo. Eu ganhava mais do que ele. Eu paguei o meu casamento. Ele morou no meu apartamento“, relembrou em entrevista ao podcast Parolar.

A loira não se arrepende da decisão. “Eu vi ali o sonho dele e a oportunidade que ele tinha, e eu não podia jamais dizer: ‘Não, peraí, eu vou fazer novela e você vai ser jogador de futebol’. Não. Falei: ‘Vamos embora. Vamos embora nesse sonho aí’. A gente brinca para caramba, fala que o Júlio é o meu plano de previdência, que deu certo“, disse.

Vivendo há alguns anos em Portugal, a atriz voltou a trabalhar e hoje atua como empresária no ramo estético e de turismo. Ainda assim, houve desafios para conciliar a família com seus projetos.

A mulher ainda tem essa dificuldade de ainda ter nas costas essa coisa de ‘a gente é que tem que resolver tudo na casa, do filhos’. É muito difícil. Além de tudo, querer ser uma empresária. Querer ser dona do próprio negócio, querer cuidar de tudo e dar conta do recado. Não é fácil. Eu dou graças a Deus, os meus filhos são grandes. Então, hoje eu me sinto pronta para atuar nessa área. Mas, talvez há dez anos eu não tivesse condições“, refletiu.

Em seguida, justificou o pensamento: “Eu tinha que levar meu filho no futebol, meus filhos na escola, minha filha no vôlei, não sei o que… e resolver a comida e a casa estar pronta. E eu vejo as pessoas chegarem sem condições nenhuma, para pedir emprego, às vezes com as crianças… É muito complicado. É desafiador…“.

Susana não saiu em defesa de todas as mulheres ao argumentar. “Eu não gosto de dizer que toda mulher faz isso porque não é. Nem toda mulher é batalhadora e nem toda mulher faz corpo mole. Tem muita mulher que faz corpo mole, aproveita da: ‘Ai, estou com cólica… Ai, meu filho…’ e bota muita dificuldade. Ela se bota para baixo, né“, opinou.

Elson Barbosa
Jornalista, encantado pelo entretenimento e pela possibilidade de contar e conhecer várias histórias ao mesmo tempo. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @ellsonbarbosa
Veja mais ›