Thais Carla faz post sobre “antes e depois” e desabafa contra a gordofobia

Thais Carla
Thais Carla fez desabafo no Instagram (Imagem: Reprodução / Instagram)

Em forma de crítica ao que muitas pessoas fazem, Thais Carla postou um “antes e depois” seu. No entanto, ao contrário da proposta desse tipo de publicação, o corpo da influenciadora digital não mudou.

Ao publicar fotos suas e também de outras mulheres gordas, a famosa fez uma reflexão: “Antes x Depois Percebem a mudança? Não?! É porque não tem! Mas estaria tudo bem se tivesse. Estas são mulheres gordas. Estamos um pouco mais velhas, vacinadas e vivendo nossas vidas que envolvem muito trabalho, pesquisa, estudo, dedicação, família, amigos, sonhos e, como não poderia deixar de ser: saúde”.

“Mas e nosso corpo? Nosso corpo permanece o mesmo. Saudável, sendo uma fonte de vida, prazer e energia. E nós seguimos amando nossos corpos.
Pode ser que um dia a gente emagreça por qualquer que seja o motivo? Pode ser que sim. E tá tudo bem em relação a isso“, pontuou Thais Carla, que explicou:

“O que não está bem é ser uma pessoa que se apropria da pauta/causa gorda sem sê-lo, ganhar dinheiro em cima disso (sem, de fato, cuidar para que o discurso seja sobre acesso), criticar todas as pessoas que pensam de forma diferente de forma rasa e superficial, ser um desserviço para a luta e causa antigordofobia e, dia após dia, se contradizer e seguir invertendo discurso, dando a quem nos oprime exatamente o que querem: a patologização dos corpos gordos”.

“É perfeitamente possível amar o próprio corpo, ter positividade corporal, ter corpo livre, emagrecer, engordar, perder peso, comer bem, se exercitar, sem ser uma pessoa horrível com quem tem transtornos alimentares ou problemas de autoestima e autoimagem“, declarou a dançarina, que é voz ativa na luta contra a gordofobia.

Thais Carla deixa mensagem de incentivo

Na sequência, a influencer ainda frisou: “Por isso, estamos aqui mostrando nossos corpos para dizer que você não precisa ler seu corpo de antes como inadequado e querer mudá-lo para entrar no patrão. É perfeitamente possível existir sem precisar dar satisfação sobre isso – ou sobre nossa saúde para quem quer que seja”.

“Nossos corpos não são antes e depois, como se o antes fosse algo desagradável e depois, o emagrecimento digno de parabéns. Isso só reforça a cultura gordofóbica da dieta. No instante seguinte não somos mais os mesmos”, disse Carla, que finalizou:

“2022 está aí e esperamos, honestamente, que no próximo ano, a gente não caia mais em golpes de influencers que se apropriam da nossa causa que luta por acessos (a saúde, emprego, educação, alimentação, etc) apenas para lucrar. Que estejamos com quem está na luta e no corre, verdadeiramente. Da nossa parte, desejamos que você seja feliz: ANTES E DEPOIS”.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Carol Bittencourt
Caroline Bittencourt é jornalista, pós-graduada em Comunicação e Design Digital. Atua como redatora e produtora de conteúdo para redes sociais.
Veja mais ›