Tonico Pereira foi destaque no “Encontro” (Imagem: Reprodução / Globo)

Fátima Bernardes costuma receber vários convidados no seu “Encontro” e, vez ou outra, uma polêmica participação ganha repercussão imediata. Foi o caso de Tonico Pereira, que, aos 70 anos, se mostrou um veterano diferente dos demais.

Primeiramente, o ator chegou ao estilo “Silvio Santos nas férias”: bermuda e camiseta. Em meio ao debate sobre a criação de cachorros, ele fez questionamentos imprevisíveis.

“Não cria uma falta de caráter no cachorro?”, questionou e eterno Mendonça de “A Grande Família” sobre a maneira de educar os animas, como palavras de ordem e oferecendo comida em troca de obediência.

Em seguida, Tonico fez uma crítica para si. “Eu sou chato. Só isso”. “Não. Você só tem dúvidas”, corrigiu Fátima.

Em outro momento, talvez o mais marcante do programa, Tonico revelou que a mãe dava a ele cigarros quando tinha oito anos. Ele fez a revelação quando disse que não repetiria os mesmos erros cometidos pela mãe na sua criação.

A gente está aí num mundo contemporâneo que não é igual. Minha mãe me acobertava em coisas, me deu cigarro com oito anos de idade. Trocava cigarro por tarefas domésticas. Não é que eu ache isso moralmente mau, mas é a mesma coisa que a pessoa dizer que não se arrepende de nada. Nada mais burro do que não se arrepender de nada”, respondeu ele ao discordar das convidadas Bruna Viola e Maria Joana.

Veja a cena:

Saiba Mais:

Silvio Santos comprou formato do “Topa ou Não Topa” para evitar ação da Globo

Eduardo Moscovis viverá homem que se transforma em gato em “O Sétimo Guardião”

 

Recomendados para Você:

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!