Valdemiro Santiago perde irmão para a Covid após tentar vender “feijões milagrosos”

Valdemiro Santiago
Irmão de Valdemiro Santiago morre vítima de covid-19 (Imagem: Reprodução/ Instagram)

Irmão do apóstolo Valdemiro Santiago, da Igreja Mundial do Poder de Deus, o bispo Vanderley Santiago, de 53 anos, morreu de Covid-19, nesta segunda-feira (28), em São Carlos (SP). Ele procurou atendimento no Centro de Triagem do Ginásio Milton Olaio Filho e foi transferido para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) do Santa Felícia.

Segundo informações do G1, o bispo sofreu uma parada cardiorespiratória e não resistiu. Ele estava positivo para a Covid-19 e já havia tomado a primeira dose da vacina contra a Covid em 16 de junho.

Ele é irmão de Valdemiro, que vendia sementes de feijão, com valores entre R$ 100 a R$ 1 mil, sob o argumento de que teriam eficácia terapêutica para a cura da doença.

Nas gravações, o religioso aparecia incentivando fiéis a plantar as sementes por ele comercializadas. Na ação, o MPF afirma que os feijões não curam e são propaganda “enganosa”.

“Você que me escuta aí e agora, cê viu na última reunião de bispos e pastores? Apresentando com exame, um laudo médico, de gente curada de coronavírus, em estado terminal né, podemos dizer assim… gravíssimo, num estado muito avançado e Deus operou e fez maravilhas… E tá ali o exame para quem quiser”, diz o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus na transcrição de sua fala incluída na ação.

Em outubro passado, cabe lembrar, o juiz federal Tiago Bitencourt de David, da 5ª Vara Cível Federal de São Paulo, havia mandado que a informação fosse colocada na internet na página oficial do governo em até 15 dias. A ordem não foi cumprida.

O Ministério da Saúde criou uma página sobre notícias falsas e postou recomendações sobre “alimentação e fake news, que somente destaca a importância de comer de forma saudável e tomar cuidado ao compartilhar informações sem comprovação científica sobre alimentos com supostos efeitos terapêuticos” contra o coronavírus.

A Justiça, porém, diz que, “em nenhum momento são mencionados os feijões que foram comercializados pelo líder religioso em vídeos disponibilizados nas redes sociais”.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›