Yanna Lavigne é censurada após posar de topless e toma atitude corajosa

Yanna Lavigne
Yanna Lavigne é censurada após posar de topless e toma atitude corajosa (Imagem: Reprodução / Instagram)

Yanna Lavigne deu exemplo sobre o empoderamento feminino e mostrou o seu corpo de forma bastante desprendida. Como o clique tinha nudez, o Instagram achou por bem censurar a foto, mas isso não foi o bastante para parar a mulher de Bruno Gissoni.

A atriz surgiu usando apenas uma calça folgada e com os seios de fora. Na primeira vez eles estavam expostos e depois foram cobertos com emojis de coração branco:

No post deletado pelo Instagram a legenda foi: ‘O que é liberdade pra você?’. Me autocensurei e respondo: ‘Quanto artista e corpo feminino. Poder expressar o que sou, como eu quero’”.

O post chegou a quase 200 mil curtidas e recebeu bastante elogio. Gissoni postou um emoji de olhar apaixonado, enquanto Giovanna Lancellotti ficou boquiaberta: “Que é isso, mana?”. Mariana Goldfarb, que é casada com Cauã Reymond, reclamou do site: “O Instagram é hipócrita e moralista”. Outro internauta continuou: “O Insta não aguentou tanta liberdade em pessoa”.

Yanna já tinha postado outra foto igualmente ousada, com um figurino que deixava suas partes íntimas em evidência, e escreveu a seguinte legenda: “Mama transgressora passando pela sua timeline, literalmente”.

No fim de agosto, a famosa falou da nova filha que terá com Gissoni e até revelou o nome do futuro bebê: “Mãe de Lena… e da Amélia. Que sempre procura uma poltrona natural conecta com as suas raízes e reflete a flyer da cor da sua alma”.

Goldfarb voltou a comentar: “Eu amo muito, muito, muito”. Nathalia Dill foi sucinta: “Uau”. Uma seguidora já confessou uma vontade: “Ansiosa pelos vídeos da Amélia e da Madalena juntinhas”. Outra pessoa completou: “Que ela chegue cheia de saúde, pois amor já temos certeza que ela terá e muito”.

Confira:

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›