A Escrava Isaura
Bianca Rinaldi no papel-título de A Escrava Isaura; novela estreia com audiência mediana (Imagem: Divulgação / Record)

A 5ª exibição de A Escrava Isaura – contando a original, em 2004 – não influiu positivamente na audiência da Record. A novela manteve a vice-liderança, com vantagem sobre o SBT, mas ficou aquém da estreia de outros cartazes do horário em que foi alocada. Os dados são referentes a Grande São Paulo.

No ar das 15h às 15h30, A Escrava Isaura atingiu 7,9 pontos, 10 de pico e 17% de participação no número de televisores ligados (share); na mesma faixa, o SBT ficou com 7 de média.

O desempenho é superior apenas aos lançamentos de Prova de Amor (2005), com 3,7 pontos, e Luz do Sol (2007), com 7,2. O primeiro capítulo da trama ficou atrás dos 8,4 de Bela, a Feia (2009), 8,6 de Amor e Intrigas (2007) e 9,2 de Ribeirão do Tempo (2010).

Depois de ‘Isaura’, entre 15h30 e 16h13, Bela, a Feia alcançou 7,7 pontos, 8 de pico e 16% de share; neste período, 5 de média para o principal concorrente. Caminhos do Coração (2007) manteve o segundo lugar com 5,5 pontos, 8 de pico e 11% de share, das 16h13 às 16h57, contra 5 do terceiro colocado.

A Record também garantiu o segundo lugar com jornalísticos. O Balanço Geral SP anotou 7,8 pontos, 11 de pico e 17% de share, entre 11h51 e 15h; o quadro A Hora da Venenosa, exibido das 14h16 às 15h, liderou com 10 de média versus 9 da Globo.

O Cidade Alerta acumulou 9,4 pontos, 12 de pico e 15% de share, entre 17h03 e 19h55 – SBT, 7 de média. Exibido durante o noticiário, o Jornal da Record – 24 Horas bateu 7,6 pontos, 8 de pico e 13% de share, das 17h50 às 17h55 – SBT, 7.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos