Afinal, Fátima Bernardes vai deixar o Encontro e a Globo?

Duh Secco

09/12/2021

Fátima Bernardes

Fátima Bernardes no Encontro desta quarta-feira (8); boataria sobre saída da apresentadora do programa e da Globo não tem fundamento (Imagem: Reprodução / Globo)

A pergunta que não quer calar: Fátima Bernardes vai deixar o Encontro e a Globo? Nos últimos dias, após a circulação de uma notícia sobre a suposta briga da apresentadora com membros de sua equipe, por conta de um pedido de férias, boatos sobre a saída dela do programa e da emissora se reproduziram web afora. Já há quem jure que a substituta está escalada – os chutes vão de Patrícia Poeta a Sandra Annenberg.

De concreto, nesta história, não há absolutamente nada. Nenhuma informação relevante sobre o caso surgiu até o momento. Os comentários sobre o fim desta parceria se amparam apenas no disse-me-disse sobre a tal briga e nas ausências constantes de Fátima da atração. Faltas, aliás, compreensíveis. No último ano, ela enfrentou um câncer de útero e uma cirurgia no ombro, o que implicou em licenças médicas. E fez valer o direito de todo profissional de férias e folgas.

Os problemas de saúde, talvez, tenham levado Fátima Bernardes a reavaliar o que realmente importa? Quem sabe… A coluna não se surpreenderia caso a decisão de sair partisse dela, após 35 anos de trabalho, contando reportagem, bancada e, por fim, entretenimento.

Cabe salientar que, nos planos comerciais do BBB 2022 e do Futebol 2022, Encontro e Fátima aparecem relacionados aos quadros dedicados a tais temas, o que prova que o programa e a apresentadora estão à disposição do mercado publicitário no próximo ano.

A atração também ostenta médias confortáveis de audiência na Grande São Paulo, próximas do Mais Você de Ana Maria Braga, sempre absoluta na liderança, o que invalida a boataria sobre queda nos números quando a titular não está presente – mais um motivo para que ela fique, não?

Trilhas em alta

As músicas, que ajudaram a contar a história destes 70 anos de novelas, destacam-se em Quanto Mais Vida, Melhor! e Um Lugar ao Sol. As tramas que a Globo exibe às 19h e às 21h contam com muitos “clipes”. Ontem (8), em ‘Um Lugar’, Felipe (Gabriel Leone) recordou seus bons momentos com Rebeca (Andréa Beltrão) ao som de Dança da Solidão, na versão de Marisa Monte e Gilberto Gil.

Há tempos, em nome do ritmo frenético imposto sabe-se lá por quem, os folhetins da casa não dedicavam vários minutos às canções. Curiosamente, a obra de Lícia Manzo, assim como a de Mauro Wilson, não perde ritmo com tais investidas. Fato é que cenas como esta, ou a interação musical dos protagonistas de ‘Quanto Mais Vida’, configuram mais um atrativo para as duas excelentes produções.

Páginas da vida

Enquanto prepara sua volta às novelas das 21h, Walcyr Carrasco retoma as investidas no mercado literário com o relançamento de Meus Dois Pais. A editora Moderna recolocou no mercado a obra na qual Walcyr mostra como as transformações sociais mudaram as configurações familiares e as reações das crianças quanto a isso. A história parte de Naldo, um menino que enfrenta os comentários maldosos sobre o relacionamento de seu pai com outro homem.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Duh Secco
Escrito por

Duh Secco

Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog Vivo no Viva, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.