Angélica fala de saída da Globo, comenta futuro no streaming e abre intimidades da família

Angélica
Angélica fala sobre novo projeto no streaming e cita intimidades da família (Imagem: João Miguel Júnior / Globo)

Com mais de 30 anos de carreira, após ter passado por diversas emissoras – Globo, SBT e Manchete -, Angélica agora enfrentará um novo desafio profissional, só que dessa vez no streaming. A apresentadora irá comandar um programa de astrologia no HBO Max.

Em entrevista à colunista Fábia Oliveira, a esposa de Luciano Huck deu detalhes sobre o novo trabalho, além de explicar o que motivou sua saída da Globo. “Na verdade, não foi uma mudança radical. Eu já estava com uma relação com a Globo por obras desde 2019. Nós já tínhamos essa relação, fizemos um programa e isso foi uma opção minha que eu estava muito satisfeita. Não foi radical. A relação era assim e culminou com o convite da HBO Max”, disse.

Na oportunidade, a loira avaliou que, atualmente, o que importa são os bons produtos, sejam do streaming ou da TV aberta. Portanto, ela acredita que não sentirá muita diferença em relação ao formato que sempre esteve acostumada a trabalhar.

Durante o bate-papo, a famosa confidenciou como é sua relação com a astrologia, já que irá tratar do assunto no projeto:

 “Sempre gostei e nem eu sabia que era tão ligada. Descobri várias fotos e matérias minhas antigas falando desse assunto e os meus fãs até postam uns vídeos meus falando de astrologia. Já fiz meu mapa astral várias vezes e nos últimos dois anos, eu fiquei mais apegada porque fiz o meu mapa com uma pessoa bem legal, que me cativou mesmo. Os meus filhos, os três, quando nasceram, eles ganharam um livrinho de mapa astral da Ana Maria Braga que é um barato e é muito interessante quando eu leio para eles e descrevo a personalidade. A astrologia sempre teve na minha vida”.

Além dela, a herdeira Eva, de 8 anos, também é ligada em horóscopo. “Ela gosta e acho que ela viu na internet, no TikTok falando de horóscopo e acabou se interessando. Ela lê, fala e dá as opiniões quando conhece as características de algum signo. É uma gracinha”.

Angélica também foi questionada sobre questões políticas, já que seu marido era um possível candidato ao cargo da presidência da República – ele acabou declinando após proposta da Globo.

Sobre como seria sua atuação como primeira dama do Brasil, a artista destacou: “(Risos) Eu não sei… Eu acho que eu quero ser uma boa pessoa. Eu costumo dizer que eu estou em evolução. Quero ser uma boa pessoa para o mundo. O mundo dos meus filhos, o meu mundo e para o mundo também. Tudo que eu faço, eu procuro me comprometer e dou o meu melhor pensando sempre no todo. Qualquer coisa que eu vá fazer na vida, eu quero fazer o melhor pra mim e para o meu entorno”.

Na sequência, analisou como enxerga a situação atual do país. “Eu acho que está todo mundo vendo que nós estamos em uma situação dificílima. Uma situação que a gente não pode perder a esperança. Eu sou uma pessoa de muita esperança e de muita fé, mas sem dúvidas que tem dias que a gente acorda sem conseguir se manter nessa esperança e nessa fé toda. Mas, eu acredito sempre que as coisas vão melhorar”.

A política, inclusive, é pauta com os herdeiros, principalmente com Joaquim, de 16 anos, e Benício, de 13. “A Eva é muito pequena ainda, mas ela fica vendo, prestando atenção porque os irmãos discutem com os amigos. Essa geração da idade deles está muito ligada nas questões políticas, econômicas e sociais desse país e isso é muito bacana. É uma das coisas que me dá esperança no futuro melhor porque a gente vê o quanto eles são antenados à situação do país e ao todo”.

E por falar nos filhos, a apresentadora está tendo que lidar com a fase de adolescente do mais velho. Porém, segundo ela, não está sendo um problema.

“Essa fase é uma fase muito rica, muito gostosa. Joaquim é um garoto muito esperto, que gosta de saber, ele é curioso como pai e ele tem uma sensibilidade aguçada como eu. É bacana esse mix. A gente conversa, sim. Eu sinto que ele tem toda a confiança de falar comigo sobre todos os assuntos assim como ele tem com o pai também. Com o pai são assuntos determinados, comigo são outros, mas a gente tem uma relação com as crianças de muito diálogo e aberta”.

Junto com a puberdade, veio a namorada de Joaquim, mas Angélica afirmou que não é uma sogra ciumenta, que inclusive percebeu que é pessoa legal para a nora. “Eu adoro a namorada, adoro ter junto e eu quero a minha casa sempre cheia com muitos jovens, com aquela alegria dessa turma. Eu vou sempre fazer de tudo para tê-los sempre pertos, vou sempre procurar agregar os amigos, os namorados porque essa energia deles é muito gostosa”, disse, aos risos.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›