Após deixar a Globo, Lázaro Ramos vai dirigir filme no Amazon Prime Vídeo

Lázaro Ramos
Lázaro Ramos já está trabalhando em novo projeto para o streaming (Imagem: Reprodução / Instagram)

Lázaro Ramos decidiu não renovar o seu contrato com a Globo, que chegou ao fim no mês passado, e já tem certo o primeiro trabalho no Amazon Prime Vídeo. O ator vai dirigir um filme baseado num livro homônimo com contos de Thalita Rebouças, Paula Pimenta, Bruna Vieira e Babi Dewet.

Trata-se de Um Ano Inesquecível, segundo informações da colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo. O famoso também deverá ter muitos trabalhos na plataforma de streaming, com quem fechou um contrato por prazo longo.

Além disso, o artista também vai aparecer na segunda temporada de Aruanas, do Globoplay, ainda inédita. Antes de encerrar o seu contrato com a emissora carioca, ele também gravou participação em Sob Pressão.

Nos últimos anos, o baiano estrelou a série Mr. Brau, exibida em quatro temporadas entre 2015 e 2018. Entre os últimos trabalhos dele na Globo estiveram os especiais Falas Negras, em que atuou como diretor, e Amor e Sorte (2020).

A primeira aparição de Lázaro Ramos na emissora carioca foi na série Sexo Frágil (2003). Em seguida, ele protagonizou a novela Cobras & Lagartos (2006), como o Foguinho, e emendou trabalhos na empresa.

O famoso ainda teve em Duas Caras (2007), que foi premiada com o Emmy de melhor novela do Brasil, Insensato Coração (2011) e Lado a Lado (2012).

Além de apresentar o semanal Espelho, no Canal Brasil, desde 2006 e edições do Criança Esperança, o artista também já teve um programa na TV aberta, o Lazinho com Você (2017).

Desabafo após saída

Logo depós da sua saída da antiga empresa, em vídeo publicado no Twitter, o marido de Taís Araújo manifestou a sua gratidão pelos anos que esteve como estrela da Globo. Para ele, o veículo “proporcionou ir muito além” daquilo que imaginou em sua carreira artística.

“Há 17 anos, eu, um menino, chegava à Rede Globo. Eu era um ator baiano, nascido e criado no Bando de Teatro Olodum. Sabia pouco de tudo e um pouquinho de mim também. Trazia os ensinamentos e os meus ídolos do bando”, comentou.

“Mas o pouco que eu sabia é que eu tinha possibilidades, que eu tinha muito a descobrir. Nesses anos, a Globo me proporcionou ir muito além daquilo que sonhei”, agradeceu.

“E agora seguirei para outras descobertas, aventuras. A ânsia de entender as pessoas e a realidade do meu país seguem sendo a base do meu trabalho como artista”, detalhou.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›